A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Índice de estações
...
Couto Fernandes
Parangaba
Mondubim
...
Saída para o Ramal de Mucuripe: Mucuripe
...

Linha-tronco - 1950
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...
 
E. F. de Baturité (1873-1909)
Rede de Viação Cearense (1909-1975)
RFFSA (1975-1997)
PARANGABA (antiga ARRONCHES)
Município de Fortaleza, CE
Linha-tronco - km 9,109 (1960)   CE-3191
Altitude: 26 m   Inauguração: 30.11.1873
Uso atual: Centro de Direitos Humanos (2015)   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: 1941
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco, ou linha Sul, da Rede de Viação Cearense surgiu com a linha da Estrada de Ferro de Baturité, aberta em seu primeiro trecho em 1872 a partir de Fortaleza e prolongada nos anos seguintes. Quando a ferrovia estava na atual Acopiara, em 1909, a linha foi juntada com a E. F. de Sobral para se criar a Rede de Viação Cearense, imediatamente arrendada à South American Railway. Em 1915, a RVC passa à administração federal. A linha chega ao seu ponto máximo em 1926, atingindo a cidade do Crato, no sul do Ceará. Em 1957 passa a ser uma das subsidiárias formadoras da RFFSA e em 1975 é absorvida operacionalmente por esta. Em 1996 é arrendada juntamente com a malha ferroviária do Nordeste à Cia. Ferroviária do Nordeste (RFN). Trens de passageiros percorreram a linha Sul supostamente até 1988.
 
A ESTAÇÃO: A estação foi aberta com o nome de Arronches, em 1873. Na época, era município, que acabou sendo anexado a Fortaleza nos anos 1920.

Em janeiro de 1944 teve o nome alterado para Parangaba, por determinação do CNG - Conselho Nacional de Geografia. Era este o nome de antiquíssimo aldeamento jesuítico, ali próximo.

Dali sai desde 1941 o ramal para Mucuripe. Serviu como estação de trens metropolitanos.

O prédio da estação, segundo o historiador Alexandre Gomes, ainda é a mesma aberto em 1873, tendo sido reformada em 1927, e portanto deveria ser tombada. Porém, outra versão afirma que a estação reformada em 1927 foi derrubada em 1939 em consequência da colocação do ramal para Mucuripe. Somente em 1941 ficou pronta a nova estação, 50 m adiante da anterior.

O Metrofor, que está construindo o metrô em Fortaleza próximo ao leito da ferrovia original pensava diferente: queria demolir a estação para fazer um viaduto. Existiu por um tempo uma briga judicial para impedir que isso acontecesse.

Ela fica no entorno da Praça da Matriz, na Rua Dom Pedro II, no bairro do mesmo nome. Ela não é utilizada pelo Metrofor, que construiu outra estação, mantendo o velho prédio ali. O prédio da velha estação foi tombado pelo Patrimônio Histórico Municipal em 2007, depois de várias ameaças de demolição. Foi rebaixada no solo e por sobre ela passava em 2015 o elevado do VLT, que substituiu a antiga linha da RVC.


ACIMA: A antiga estação de Parangaba passou em 2008 e 2009 por um processo de rebaixamento no solo, para que o elevado do VLT que está sendo construído em Fortaleza possa passar sobre ela. "Rebaixar a estação vai deixá-la ´encaixapada´ e com pouca visibilidade" afirmam os habitantes. Mas pelo menos não se a demoliu. Ela foi rebaixada em 3,5 metros. O peso do prédio é de 367 toneladas (Procuradoria Geral do Estado do Ceará, 30/7/2009; Diário do Nordeste, 22/2/2008).

(Fontes: Ney R. R. Frota; João Pires Barbosa Filho; Emilio Moitas; Procuradoria Geral do Estado do Ceará, 2009; Diário do Nordeste, 2008; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Estação original de Parangaba. Foto sem data. Autor desconhecido

A estação em 2006. Foto Emilio Moitas

A estação em 2008. Autor desconhecido

A estação em 2015, debaixo do elevado por onde passa o VLT que sibstituiu a linha da RVC
   
     
Atualização: 28.05.2017
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.