A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Araruama
Iguaba Grande
São Pedro da Aldeia
...

...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
E. F. Maricá (1914-1943)
E. F. Central do Brasil (1943-1960)
E. F. Leopoldina (1960-1962)
IGUABA GRANDE
Município de Iguaba Grande, RJ
E. F. Maricá/Ramal de C. Frio - km 131   RJ-1842
    Inauguração: 07.02.1914
Uso atual: demolida   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
HISTORICO DA LINHA: A E. F. Maricá teve o seu primeiro trecho aberto em 1888, ligando as estações de Alcântara e Rio do Ouro. Em 1889 chegou a Itapeba e somente em 1894 a Marica. Em 1901, chegava a Manuel Ribeiro. Nilo Peçanha, como Presidente da Província do Rio e também da República, conseguiu a união da linha com a Leopoldina na estação de Neves, construída para esse entroncamento, e do outro lado prolongou a linha até Iguaba Grande. Em 1912, entretanto, o capital dos empresários da região acabou e a linha foi vendida à empresa francesa Com. Generale aux Chemins de Fer. Em 1933, o Governo Federal encampou a ferrovia e a prolongou, em 1936, até Cabo Frio, onde se embarcava sal das salinas das praias. Em 1943, a E. F. Marica foi passada para a Central do Brasil. Em fins dos anos 1950, passou para a Leopoldina. Os trens passaram a sair da estação de General Dutra, em Niterói, entrando no ramal em Neves. Em janeiro de 1962, parou o trecho Maricá-Cabo Frio. Em 1964, parou o trecho Virajaba-Maricá. Em 1965, somente seguiam trens de subúrbio ligando Niterói a Virajaba, com o resto do ramal já desativado. A ferrovia foi finalmente erradicada em 31/01/1966.
 
A ESTAÇÃO: Na cidade de Iguaba Grande não existem vestígios da linha férrea nem se lamenta o fato de ter sido destruída. Tudo o

ACIMA: Estação e trem da E. F. Maricá em 1949 (Cessão Henrique Alberto).
que existe é uma foto da estação, de um poster que fica largado na Casa de Cultura. Uma antiga casa da ferrovia ainda está de pé também.
(Fontes: Laís Gomes; Henrique Alberto; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação de Iguaba Grande, sem data. Foto cedida por Henrique Alberto

A estação ficava aqui, no centro desta praça. Foto de Laís Gomes em 2003

Casa da vila ferroviária que resiste até hoje em Iguaba Grande. Foto de Laís Gomes em 2003
     

   
 
     
Atualização: 07.03.2011
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.