A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Standard
Canoas
Esteio
...
Mapa das linhas em 1940
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2004
...
 
The Porto Alegre and New Hamburg Brazilian Ry. (1874-1905)
Cie. Auxiliaire des Chemins de Fer au Brésil (1905-1920)
V. F. Rio Grande do Sul (1920-1975)
RFFSA (1975-anos 1980)
CANOAS
Município de Canoas, RS
Linha de Caxias - km 854,832 (1960)   RS-0274
Altitude: 20 m   Inauguração: 14.04.1874
Uso atual: Fundação cultural do município (2010)   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1934
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha Porto Alegre-Caxias foi aberta no trecho entre a Capital e São Leopoldo em 1874, como a primeira ferrovia do Estado. Em 1876 foi prolongada até a estação de Novo Hamburgo. Em 1905, a Cie. Auxiliaire assumiu a linha. Apenas em 1909 a linha teve continuação, partindo de Rio dos Sinos, 7 km antes de Novo Hamburgo e chegando até Carlos Barbosa, e, no ano seguinte, até Caxias (Caxias do Sul). Em 1920 a linha foi assumida pela VFRGS. Foi desativada nos anos 1980; o trecho até São Leopoldo foi retificado e serve hoje ao sistema Trensurb da Grande Porto Alegre (trens metropolitanos); entre Rio dos Sinos e Montenegro, a linha foi erradicada em 1963, substituída por uma variante; para a frente, existem trilhos ainda em alguns pedaços, mas oficialmente a ferrovia a partir de Montenegro foi extinta em 1994 pela RFFSA.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Canoas foi inaugurada em 1874 pela The Porto Alegre and New Hamburg Brazilian Railway.

A estação, construída em terras da Fazenda Gravataí, deu origem à cidade, que começou a se formar durante a construção da ferrovia, onde alguns trabalhadores aproveitavam toras de madeira derrubada para produzir canoas. A vila, chamada de Capão das Canoas, desenvolveu-se rapidamente e passou a ser ponto de veraneio das famílias de Porto Alegre, de forma que, em 1885, eram anunciados oito trens ligando Porto Alegre a Canoas em cada domingo.

Em 1905 a estação e a linha foram assumidas pela Cie. Auxiliaire, e, em 1920, pela VFRGS.

Em 1907, o prédio da estação foi descrito em um livro desse ano como sendo "uma casinha de alvenaria de tijolos, coberta de telhas de barro destinadas à bilheteria e a estação com área de 5,50 x 3,40 m".

A partir de 1909, a estação serviria às linhas de Caxias e de Porto Alegre-Uruguaiana, até 1937, quando foi aberta a variante ligando Diretor Pestana a Barreto, encurtando em 50 km a linha para Uruguaiana e evitando a passagem pela estação, que passou a atender apenas às linhas para Caxias e Canela.

A cidade cresceu bastante, e em 1934 foi inaugurada uma nova estação, muito maior que a original, que era de madeira. Em 1939, tornou-se município.

Apesar de os trens suburbanos da Grande Porto Alegre terem trafegado até 1982, a estação teria sido desativada já nos anos 1970, depois disso servindo apenas como parada de embarque e desembarque. Foi recuperada em 1983 pela Trensurb, mas não para uso como estação.

Está desativada, ao lado da linha, e serve como fundação cultural. Cerca de 200 metros antes fica a estação da Trensurb, com o nome de Canoas-La Salle. A antiga estação foi tombada pelo município em 14 de abril de 2010.


ACIMA: Porteira na estação de Canoas, supostamente para impedir a entrada de animais. A foto parece ser do início do século XX. Reparar na plataforma coberta da estação de então. Ver a fotografia da estação ao pé da página (Autor desconhecido).

(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Alexandre L. Giesbrecht; Jorge Luís Stocker Jr.; Revista Ferroviária, 08/2000; J. R. Souza Dias: Caminhos de Ferro do Rio Grande do Sul, 1987; IPHAE: Patrimônio Ferroviário do Rio Grande do Sul, 2002; Guias Levi, 1940-1981; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação original de Canoas, foto sem data, extraída do livro Caminhos de Ferro do Rio Grande do Sul, J. R. Souza Dias, 1987

A estação atual, desativada,
em 09/04/2004. À frente, a linha da Trensurb. Foto Ralph Mennucci Giesbrecht

A estação atual, desativada,
em 09/04/2004. Foto Ralph Mennucci Giesbrecht

A estação atual, desativada,
em 09/04/2004. Foto Ralph Mennucci Giesbrecht

A estação em 21/4/2011. Foto Alexandre L. Giesbrecht
 
     
Atualização: 16.08.2017
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.