A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Posto km 358
Aldeia
Posto km 393
...

Var. Bauru-Garça FEP - 1980

IBGE-1970 mostra a linha nova em construção sem a posição dos futuros postos
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
FEPASA (1976-1998)
ALDEIA
(antigo PÁTIO 2 e POSTO KM 373)

Município de Bauru, SP
Variante Bauru-Garça - km 373   SP-0885
    Inauguração: 10.05.1976
Uso atual: demolido   com trilhos
Data de construção do prédio atual: c. 1976 (já demolido)
 
 
HISTORICO DA LINHA: Em maio de 1976, depois de anos de construção, a Fepasa abriu a variante Bauru-Garça, velho projeto da Cia. Paulista para encurtar a linha entre as duas cidades no seu tronco oeste. Esta linha esta dava a volta pelo sul da serra da Esmeralda, passando por oito estações, de Piratininga a Gália, que foram sumariamente suprimidas, abandonando-se o trecho. A variante está em operação até hoje para trens de carga, tendo por ela passado trens de passageiros até o início de 2001, quando a Ferroban, depois de um acidente nos lados de Tupã, fez esse trem seguir apenas até Bauru. Trem este que foi desativado em 15 de março de 2001.
 
A ESTAÇÃO: Aberto em 1976, como Pátio 2, na linha recém-inaugurada entre Bauru e Garça. Logo depois passou a se chamar posto km 373. Segundo descrições de viajantes, era apenas uma casinha de madeira, em local ermo, perto de fazendas da região.
ACIMA: Estação - ou posto - de Aldeia: todo de de madeira, inclusive duas casas de funcionários (Foto José Eduardo Simili, acervo Douglas Ruzon). ABAIXO: "Paramos em Aldeia na viagem de ida (para Panorama). Por sorte assim o fizemos, pois lá há 78 vagões encostados entre box Pullman, Middletown, ACF e CCC (belgas) todos ex-CP, alem de alguns ex-EFA e uma gondola ACF (texto Rafael Corrêa; Foto Rubens Ueda, 11/2008).

Ainda estava ativo em 1980, de acordo com os horários de trem do Guia Levi. Aparentemente, ele funcionou como parada até os anos 1990, segundo relatos de passageiros da época. Foi demolido, e recebeu o nome de Aldeia, devido à existência de uma aldeia de índios terenas ali perto.
(Fontes: José H. Bellorio; Rafael Corrêa; Rubens Ueda; Relatório de Instalações Fixas, 1982; IBGE, 1970; Guias Levi, 1950-80; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Estação da Aldeia em 1982. Foto FEPASA

Trem cargueiro deixando a estação de Aldeia, em 1985. Foto José H. Bellorio

Local da estação de Aldeia, em 14/05/2001. Foto José H. Bellorio

Local da estação de Aldeia, sentido Garça, em 14/05/2001. Foto José H. Bellorio

Local da estação de Aldeia, em 14/05/2001. Foto José H. Bellorio

Local da estação de Aldeia, sentido Bauru, em 14/05/2001. Foto José H. Bellorio
     
Atualização: 28.01.2012
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.