A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Buranhem
Traripe
Boa Vista
...

Linha do Sul - 1940
 
 
E. F. Centro-Oeste da Bahia (1905-1939)
V. F. F. Leste Brasileiro (1939-1975)
RFFSA (1975-1996)
TRARIPE
Município de
Linha Sul - km 73,051 (1960)   BA-3875
  Inauguração: 1905
Uso atual: n/d   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
HISTORICO DA LINHA: A linha Sul, Mapele-Monte Azul, foi formada pela união das linhas de diversas ferrovias quase todas originadas no século 19, como a E. F. Central da Bahia, a E. F. Bahia ao São Francisco, a E. F. de Santo Amaro e a E. F. Centro-Oeste da Bahia, que, quando finalmente unidas sob o nome de Viação Férrea Federal do Leste Brasileiro (VFFLB) entre 1935 e 1939, tiveram suas linhas unidas e prolongadas de forma a, em 1951, ligarem Salvador e Mapele à localidade mineira de Monte Azul, ponta dos trilhos da E. F. Central do Brasil. Trens de passageiros passaram pelos seus diversos pedaços desde cada uma de suas origens até a linha completa, desaparecendo em 1979, quando somente faziam o trecho Iaçu-Monte Azul, no sul, e até o início dos anos 1980 entre Mapele e Candeias. Hoje a linha é utilizada apenas por trens cargueiros, que sofrem para passar pelo gargalo do rio Paraguassu.
 

A ESTAÇÃO: A estação de Traripe foi inaugurada em 1883 pela E. F. Centro-Oeste. A partir de 1941, já com a V. F. F. Leste Brasileiro, a linha foi prolongada e uma nova estação foi construída em 1943, talvez em ponto não exatamente o mesmo da velha estação, já que ela passou a fazer parte da linha nova Salvador-Monte Azul, completada em 1950. Não há, infelizmente, maiores

Acima, mapa original das estradas de ferro na Bahia em 1900 mostrando 4 ferrovias distintas e separadas entre si (em preto). Uma delas jamais foi juntada às outras (a E. F. Nazaré, ao sul no mapa). Em vermelho, como ficou (aproximadamente, pois houve retificações e também o aparecimento nessa época da E. F. Centro-Oeste da Bahia, que também entrou na junção) após os anos 1940. Traripe estava até os anos 1940 na E. F. Santo Amaro (Mapa original extraído do Almanaque Brasileiro Garnier, de 1907).
informações sobre as estações de Traripe, "nova" e velha, nem de seu atual estado. (Fontes: Guias Levi, 1932-1984; www.banguê.com.br; Almanaque Brasileiro Garnier, 1906; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960)

     
     
Atualização: 09.03.2007
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.