A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Índice de estações
...
Amaniutuba
Baixio
Santa Helena
...

Linha-tronco - 1950
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...
 
Rede de Viação Cearense (1923-1975)
RFFSA (1975-1997)
BAIXIO
Município de Baixio, CE
Ramal da Paraíba - 515,926 (1960)   CE-3477
    Inauguração: 05.08.1923
Uso atual: Grupo de Escoteiros   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1923
 
 
HISTORICO DA LINHA: O ramal da Paraíba foi aberto ao tráfego entre 1923 e 1926, partindo da estação de Arrojado, na linha da antiga E. F. Baturité, construída em 1922 especialmente para dar partida para os trens do ramal. Entrava pela Paraíba e parava na cidade de Souza. Nesta cidade, a partir de 1933, encontrou-se também a linha Mossoró-Souza, vinda do Rio Grande do Norte. O ramal da Paraíba ainda foi prolongado até Patos, em 1944, e em 1958, com a união desta cidade com Campina Grande, foi definitivamente incorporado pela Rede Ferroviária do Nordeste, completando a ligação do Ceará com o resto do Brasil, via Paraíba e Pernambuco.
 
A ESTAÇÃO: "Baixio era, nos primórdios, uma fazenda de propriedade de Liberalino José de Carvalho, situada no município de Umari (...). A partir de 1922 é que a fazenda veio a se tornar núcleo mais populoso, em virtude da construção do ramal da (...) RVC, que parte de Arrojado em direção (sic) à Paraíba. Surgiu o povoado, com casario formando ruas" (Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, vol. XVI, IBGE, 1959). A estação foi inaugurada em

ACIMA: Locomotiva a vapor da RVC passa pela estação de Baixio, talvez anos 1950 (Foto Portal Baiano).
1923. O município, que teve a sede transferida de Umari para Baixio em 1933, foi suprimido em 1953 e restabelecido em 1956. "Por aqui ainda passa o ramal vindo da Paraíba e os trens cargueiros ainda passam com frequência; posso afirmar que a estação ainda está de pé e é um ponto histórico situado bem no coração da nossa cidade. O prédio possui três divisões, a parte central serve como sede do Grupo de Escoteiros São Francisco, e as partes laterais são usadas como depósito pelos maquinistas para deixar algum material de manutenção dos trens e da linha férrea, uma coisa que entristece é saber que as condições físicas da estação já não são mais as mesmas, está se deteriorando muito nos últimos anos" (Cinezio Ramalho, 17/6/2009). (Veja a estação em vista aérea)
(Fontes: Cinezio Ramalho, 2009; Wikimapia, 12/2010; IBGE: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, 1959; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Estação de Baixio. Autor desconhecido

A estação em 2006. Foto Cinezio Ramalho

A estação em 2009. Foto Cinezio Ramalho
     
     
Atualização: 23.03.2012
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.