A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Estuário
Ana Costa
...

Mairinque-Santos - 1937
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
E. F. Sorocabana (1927-1971)
FEPASA (1971-1998)
ESTUÁRIO
Município de Santos, SP
Mairinque-Santos - km 129,491 (1960)   SP-0347
Altitude: 1 m   Inauguração: n/d
Uso atual: demolida   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: Projetada desde 1889, a Mairinque-Santos, linha que quebraria o monopólio da SPR para ligar o interior ao litoral foi iniciada em 1929 e terminada em 1937, com a ligação das duas frentes, uma vindo de Santos e outra de Mairinque. É uma das obras ferroviárias mais reportadas por livros no Brasil. Já havia, no entanto, tráfego desde 1930 nas duas partes, e o trecho desde Santos até Samaritá havia sido adquirido em 1927 da Southern São Paulo Railway, operante desde 1913. Com o fim da Sorocabana e a criação da Fepasa, em 1971, a linha foi prolongada até Boa Vista, no fim dos anos 1980 (retificação do antigo ramal de Campinas). Houve tráfego de passageiros entre Mairinque e Santos até cerca de 1975, e mais tarde entre Embu-Guaçu e Santos, até novembro de 1997. A linha operou até 2003 sob a administração da Ferroban. Em 2012 está abandonada.
 
A ESTAÇÃO: Sem data de inauguração definida, a estação de Estuário provavelmente foi aberta já no tempo da Sorocabana. Por algum tempo foi uma estação de passageiros também. Não é fácil, hoje, identificar qual teria sido o prédio que teria a plataforma e acomodações para os que embarcavam, se é que ele existiu. Pode ter sido apenas uma parada entre prédios com funções de depósito e escritórios. Algo que ainda se precisa clarificar. "Hoje estive de passagem pela cidade de Santos. Como tinha um tempinho livre, dei uma passada rápida pelo porto, atrás da estação Estuário.

ACIMA: Vagões da Sorocabana pela primeira vez no cais de Santos em 1930 - é o que diz a foto. Será que até então somente estariam utilizando carros da já então encampada Southern São Paulo Railway? Eram vagões repintados? Foram trazidos de São Paulo por caminhões, ou de navio, recém-comprados de algum fornecedor estrangeiro? A ligação da Sorocabana com o porto só se deu em 1938, com o término do trecho da serra. A linha que chegava no porto pela estação de Estuário vinha de Juquiá e não tinha ainda a ligação com a capital (Autor desconhecido).
Porém, muito pouco restou do antigo pátio. Após a empresa Marinex assumir a área, o pátio foi extirpado, restando apenas alguns poucos metros de trilhos aparentes. Entretanto, eles construíram um muro ao lado de uma árvore, onde segundo informações era a localização da estação. Porém, ao chegar no local, me deparei com a construção da nova avenida Perimetral. Vi que a estação foi derrubada para a abertura da nova avenida. Só restou a árvore - que é a mesma de uma das fotos oriundas do relatório de 1986 (ao pé desta página). Com a construção da nova avenida, a linha férrea será paralela a ela
" (Erick Santiago Cardoso, 20/4/2009).
(Fontes: Antonio A. Gorni; Jean Gazito; Erick Santiago Cardoso; Fepasa: Relatório de Instalações Fixas, 1986; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Os prédios da estação de Estuário, em 1986...

...ficavam junto ao porto, no final...

...da linha da Mairinque-Santos, e chegaram a receber...

...trens de passageiros. Fotos do relatório da Fepasa, 1986

Caixa d'água da estação, em 1986

A estação de passageiros em 09/09/2002. Foto Antonio A. Gorni
     
Atualização: 09.04.2015
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.