...
Piraí do Sul
Tijuco Preto
Caxambu
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: 2003
...
 
C. E. F. São Paulo-Rio Grande (1925-1930)
Rede de Viação Paraná-Santa Catarina (1930-1969)
RFFSA (1969-1996)
TIJUCO PRETO
Município de Piraí do Sul, PR
Linha Itararé-Uruguai - km 165,888 (1936)   PR-0057
Altitude: 996,787 m   Inauguração: 01.08.1925
Uso atual: demolida   com trilhos
Data de abertura do prédio atual: n/d
 
 
HISTÓRICO DA ESTAÇÃO: A estação de Tijuco Preto foi aberta em 1925.

O trecho onde ela se situava, hoje (2016), tem movimento reduzido de trens e estaria sendo utilizado somente pelas composições que vêm da fábrica de celulose e papel de Harmonia, no ramal de Monte Alegre, em média uma viagem de ida e volta por dia.

"Alguns pescadores que encontramos perto de Caxambu nos indicaram a localização da estação de Tijuco Preto, junto a uma grande fábrica de celulose antes de Piraí do Sul. Indagando na própria fábrica, descobrimos que a estação ficava próxima do cruzamento da linha férrea com a estradinha asfaltada da fábrica, ali próximo. Andando pela linha, conseguimos avistar apenas os restos de algumas casas de turma embaixo do mato alto. Não há mais plataforma. As fotos não permitem visualizar as ruínas, devido à altura do mato junto ao atual km 142 da linha" (Douglas Razaboni, 04/2004).

Segundo Mario Pailo, em 2016, "sua localização foi poss´vel seguindo as distâncias oficiais entre estações e também a informação de um antigo funcionário da Rede. Ela não se encontra junto às casas de turma, já demolidas, junto à saída para a fábrica de papel, mas sim cerca de um quilômetro adiante, sentido Piraí do Sul. Esta estação tem para mim uma importância especial, pois era ali que meu pai embarcava toda semana para estudar e trabalhar em Ponta Grossa, nos anos de 1940 e 1950".

ACIMA: Ruínas da estação de Tijuco Preto em 2016 (Fotos Mario Pailo).
     

Por aqui ficaria a antiga estação...

...junto à placa de km 142 da linha. Fotos Douglas Razaboni em 04/2004
 
     
     
Atualização: 25.09.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.