A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Maquinista Isaac
Santo Ângelo
Comandaí
...

Mapa da linha - 1940
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
V. F. Rio Grande do Sul (1921-1969)
SANTO ÂNGELO
Município de Santo Ângelo, RS (veja a cidade)
Ramal de Santo Ângelo - km 482,720 (1960)   RS-0231
Altitude: -   Inauguração: 16.10.1921
Uso atual: museu (2015)   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: O ramal de Santo Ângelo foi construído pelo Batalhão Ferroviário, e, embora aprovado desde 1895, somente em 1911 foi entregue seu primeiro trecho ligando Cruz Alta, na linha Marcelino Ramos-Santa Maria a Ijuí. Em 1915 chegou a Catuípe, depois a Santo Ângelo (1921), a Giruá (1928) e somente em 1940 atingiu sua extensão máxima, em Santa Rosa. Era chamado de "Ramal de Ouro" por causa da grande quantidade de mercadorias que transportava. Trens de passageiros trafegaram pelo ramal certamente até os anos 1980, e o ramal hoje (2004) está concessionado a ALL.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Santo Angelo foi inaugurada em 1921.

Escreveu Paranhos Antunes sobre a cidade, na revista Eu Sei Tudo, em 12/1930, que "Santo Angelo de hoje é bem um atestado do poder civilizador e progressista das estradas de ferro. Há dez anos atrás arrastava-se o município na marcha lenta do caranguejo. Inaugurada, porém, a viação férrea, ligando-a a Cruz Alta, construída pelo 1o Batalhão Ferroviário, em pouco tempo despertaram as energias latentes de seu povo, industrias surgiram, a vila duplicou em edificações e quadriplicou em comércio".

A partir do início dos anos 1970, passou a partir desta estação o ramal de São Luiz Gonzaga, que logo depois atingiu a estação de Santiago.

A estação foi desativada em 1969, quando da abertura da linha ligando Santo Ângelo a Cerro Largo, nese mesmo ano, obrigando a nova linha a se juntar com a de Santo Ângelo mais para fora da cidade, o que obrigou a uma mudança de percurso e de local da estação.

O antigo prédio abrigava em 2015 o Memorial da Coluna Prestes, e tinha, anexo a ele, um pequeno museu ferroviário.

(Veja também SANTO ÂNGELO-NOVA)

ACIMA: A inauguração do ramal nos jornais da época (A Rua, 18/10/1921). ABAIXO: A cidade e a estação (à direita), em foto provavelmente dos anos 1920 (http://santoangeloemfatosefotos. blogspot.com).

(Fontes: Vitor Hugo Langaro; Alcindo Costa; Glaucio Machado; Walter Langbeck; Edmilson -; IPHAE: Patrimônio Ferroviário do Rio Grande do Sul, 2002; Revista Eu Sei Tudo, 12/1930; http://santoangeloemfatosefotos.blogspot.com; Guias Levi, 1940-81; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação nos anos 1920. Foto http://
santoangeloemfatosefotos.
blogspot.com

A estação, com o velho carro parado à sua frente, em 2003. Foto Glaucio Machado

A estação em 2003. Foto Glaucio Machado

A estação em 2003. Foto Glaucio Machado

A estação, sem data. Foto Walter Langbeck

A estação em 2004. Foto Alcindo Costa

A estação em 2004. Foto Alcindo Costa

A estação como estava em 17/1/2015. Foto Vitor Hugo Langaro
 
     
Atualização: 19.05.2018
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.