A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
(1878-1979)
Ipê
Estiva
Urutuba
...

Tronco CM-1935
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: 1998
...
 
Cia. Mogiana de Estradas de Ferro (c.1880-1971)
Fepasa (1971-1979)
ESTIVA
Município de Estiva Gerbi, SP
Linha-tronco original - km 94,140   SP-0353
Altitude: 593 m   Inauguração: c.1880
Uso atual: sede da Polícia Militar (2012)   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco da Mogiana teve o primeiro trecho inaugurado em 1875, tendo chegado até o seu ponto final em 1886, na altura da estação de Entroncamento, que somente foi aberta ali em 1900. Inúmeras retificações foram feitas desde então, tornando o leito da linha atual diferente do original em praticamente toda a sua extensão. Em 1926, 1929, 1951, 1960, 1964, 1972, 1973 e 1979 foram feitas as modificações mais significativas, que tiraram velhas estações da linha e colocaram novas versões nos trechos retificados. A partir de 1971 a linha passou a ser parte da Fepasa. No final de 1997, os trens de passageiros deixaram de circular pela linha.
 
A ESTAÇÃO: "Foi presente à Directoria uma representação de diversos Fazendeiros e Negociantes de Espirito Santo do Pinhal, pedindo o estabelecimento de uma estação no lugar denominado - Estiva - entre Mogi-Guassu e Matto Seco, e resolvemos tomar deliberação final sobre esse pedido, depois que examinarmos o local, e com perfeito conhecimento de causa pesarmos as vantagens, que para a Companhia e para o Publico possam ou não vir da creação dessa estação" (relatório da Mogiana, 1878). Em 1886, o Almanach da Provincia de S. Paulo para 1887 já citava a

ACIMA: Esquema do pátio de Estiva em novembro de 1968 (Clique sobre a figura para ter maiores informações) (Acervo Museu da Companhia Paulista, Jundiaí, SP - Reprodução Caio Bourg). ACIMA: Onde foi o a entrada do pátio ferroviário até 1979, sobra um nada (Foto Leonardo Patara em 2012).
estação de Estiva em sua tabela de horários, mas curiosamente a Mogiana considera a data de inauguração da estação somente em 10/08/1897! Em 1907, de qualquer forma, o prédio foi totalmente reformado. A cidade acabou se desenvolvendo à sua volta. Em 05/08/1969, a estação passou a se chamar Estiva da Mogiana. Em 09/05/1979, a estação foi desativada, com a inauguração da variante Guedes-Mato Seco, que hoje passa fora da cidade, onde foi criada uma estação nova, já com o nome de Estiva Gerbi, nome adotado pelo município quando de sua emancipação, em 1991. O velho prédio é hoje utilizado pela polícia do município. (Veja também ESTIVA GERBI)
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht: pesquisa local; Leonardo Patara; Daniel Gentili; Otavio Barreira; Rossana Romualdo; Caio Bourg; Carlos Missaglia; Museu da Companhia Paulista, Jundiaí; Almanach da Provincia de S. Paulo, 1887; Cia. Mogiana: relatórios anuais, 1950-69; FEPASA: relatório de instalações fixas, 1986; Cia. Mogiana: Álbum, 1910; Cia. Mogiana: Relação de estações, 1937; Guias Levi, 1932-84; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação, provavelmente anos 1910. Autor desconhecido

Estiva, c. 1910. Foto do álbum da Mogiana

A estação de Estiva, ainda funcionando, anos 1960/70. Foto Carlos Missaglia

A estação de Estiva, ainda funcionando, anos 1960/70. Foto Carlos Missaglia

A velha estação em 17/01/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

A velha estação em 17/01/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação em 07/2001. Foto Rossana Romualdo

A estação em 2012. Foto Otavio Barreira
 
     
Atualização: 29.12.2015
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.