A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
(1979-2001)
Mogi-Guaçu-nova
Estiva Gerbi
Mato Seco
...

Variante - 1980
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 1999
...
 
FEPASA (1979-1998)
ESTIVA-NOVA
Município de Estiva Gerbi, SP
Variante Guedes-Mato Seco - km   SP-0354
Altitude: -   Inauguração: 10.05.1979
Uso atual: abandonada (2016)   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
HISTORICO DA LINHA: Esta linha foi construída pela FEPASA nos anos 1970 e foi entregue para cargas em 6 de fevereiro de 1979 e para passageiros em 10/05/1979, quando os trens que corriam pela antiga linha da Mogiana passaram a trafegar por esta variante, deixando várias estações antigas fora da linha, com o aparecimento de versões novas, como as de Mogi-Mirim e Mogi-Guaçu. Os trens de passageiros andaram por ela até setembro de 1997.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Estiva-nova foi Inaugurada em 1979, com a ativação da variante Guedes-Mato Seco, para substituir a estação velha de Estiva.

O distrito e a estação receberam o nome de Estiva Gerbi, que foi o nome adotado pela cidade devido à cerâmica de propriedade da família Gerbi.

O município se emancipou de Mogi-Guaçu em 1991.

Em agosto de 1997, o trem de passageiros deixou
de circular na velha Mogiana e a estação foi abandonada de vez. Para se chegar nela, há que se tomar uma estrada de terra que sai da estação antiga de Estiva.

Em fins de 2005, já não tinha mais desvios. Seus dormentes eram de concreto e havia uma pilha enorme deles perto da estação.

Em 2016, estava abandonada e coberta pelo mato.

(Veja também ESTIVA)

 

TRENS - Os trens de passageiros pararam nesta estação de 1979 a 1997. Veja aqui horário em 1980 (Guias Levi) Veja aqui horário em 1997 (Guia Mapograf).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht: pesquisa local; C. A. Filetti; FEPASA: relatório de instalações fixas, 1986; Guias Levi, 1932-84; Guia Mapograf, 1997; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação de Estiva Gerbi em 31/12/1999. O sujeito sentado na janela destruída estava dormindo e se assustou quando me viu tirando a foto. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação em 2005, já em estado bem pior. Foto C. A. Filetti

A estação coberta de mato em 11/2016. Foto Julio Ferraz
     
     
Atualização: 25.11.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.