A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Horto Florestal
Matadouro
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: 2005
...

Linha do Paraopeba - 1931
...
 
E. F. Central do Brasil (c.1935-1963)
MATADOURO
Município de Belo Horizonte, MG
Ramal do Matadouro - km 607,039 (1960)   MG-4560
Altitude: -   Inauguração: n/d
Uso atual: demolida   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: O ramal do Matadouro foi aberto com 7,1 km em data desconhecida (entre 1928 e 1936). A região, antes um descampado, a partir do final dos anos 1930 passou a ser urbanizada e hoje faz parte da zona norte da capital mineira. e desativado por volta de 1970. Seus trilhos foram arrancados em grande parte do traçado, existindo ainda pequenos trechos escondidos pelo mato. O ponto final do ramal, pelo menos para os trens de subúrbios, passou a ser o Posto 651, pouco mais de um quilômetro antes do Matadouro, a partir de 1963.
 
A ESTAÇÃO: A estação do Matadouro, também chamada de Matadouro Modelo, foi inaugurada em data não identificada. Sabe-se que já existia em 1937, quando era a ponta e a única estação do ramal do mesmo nome, que tinha cerca de 7,1 km.

Em 1913, já existia uma estação no Matadouro, que, em 11 de setembro deste ano, recebera o nome de Mariano de Abreu (O Estado de S. Paulo, 12/9/1913). Seria a mesma estação?

Em 1917, o Guia Levi citava uma estação, com o nome Matadouro, situada entre as estações de Freitas e de Belo Horizonte - mas em citar sua quilometragem, o que era praxe no Guia. Ficaria esta estação na mesma linha ou teria saída por um ramal, com o trem indo e voltando para retomar a linha Belo Horizonte-General Carneiro? Por que o nome Mariano de Abreu não foi citado ou adotado?

Em 1930, o Guia Levi não citava nenhuma estação com o nome de Matadouro, nem qualquer ramal.

Em fins de 1934, a Central anunciou a mconstrução de um ramal ligando a estação de Belo Horizonte ao Matadouro Modelo.

O ramal passou a transportar passageiros com trens de subúrbio a partir de 1953 até o Matadouro. Isto é o que indica o Guia Levi deste ano. Seria a mesma estação anterior, de 1913? Na verdade, havia paradas: em 1955, eram 5 - Boa Vista, Viaduto, Laginha e Ipiranga. O trem de subúrbio fazia o ramal (Horto-Matadouro) em 20 minutos - 4 horários por dia. São citados trens de passageiros no ramal, de 1953 a 1971 (Fonte: Guias Levi).

De 1963 até o final, o trem não ia mais até Matadouro, mas sim até um certo Posto 651 - este a 6 km da estação do Horto - tomando para isso não mais 20 minutos, mas sim 15 apenas, a partir do Horto. O ramal deixou de ser utilizado nos anos 1970.


1934
AO LADO:
A Central anuncia a construção de um ramal para o Matadouro Modelo (O Estado de S. Paulo, 12/12/1934).
ACIMA: A estação de Horto Florestal e o ramal do Matadouro (assinalado com uma flecha), em mapa de 1936, seguindo até a estação do Matadouro (acima, no mapa) (CLIQUE SOBRE A FOTO PARA VER EM TAMANHO MAIOR) (Mapa de Belo Horizonte, 1936 - cortesia Alexandre Gurgel Martins).

(Fontes: O Estado de S. Paulo, 1913; Max Vasconcellos: Vias Brasileiras de Comunicação, 1928; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Guias Levi, 1932-81)
     
     
Atualização: 30.06.2018
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.