A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Santa Ignacia
Vila Pentagna
Coroas
...

...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2008
...
 
Cia. E. F. Valenciana (1880-1910)
E. F. Central do Brasil (1910-1972)
VILA PENTAGNA
(antiga RIO BONITO)

Município de Valença, RJ
Ramal de Jacutinga - km 197,949 (1928)   RJ-1346
Altitude: 483 m   Inauguração: 01.04.1880
Uso atual: moradia (2017)   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: O Ramal de Jacutinga teve a sua origem na Cia. E. F. União Valenciana, aberta em 1871 e que ligava Valença a Desengano (Juparanã). Em 1880, foi prolongada até Rio Preto. Somente em 1910, com a criação da Rede Viação Fluminense, da Linha Auxiliar encampada pela EFCB, foi que se abriu um ramal unindo Governador Portella a Barão de Vassouras e daí se fez a bitola mista, pela linha do Centro, até Desengano, unindo-se Portella a Rio Preto, ao mesmo tempo em que se prolongava a linha até Santa Rita do Jacutinga, na Rede Sul-Mineira, onde a ela se ligou em 1918. Para que tudo isso se concretizasse foi necessário também a redução de bitola da antiga Valenciana de 1m10 para métrica. Por volta de 1965, o trecho entre Portella e Barão de Vassouras foi entregue à Leopoldina, enquanto o trecho restante continuou com a Central. Mas de 1971 a 1973 os dois trechos foram extintos e os trilhos retirados.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Rio Bonito foi aberta em 1880. A localidade tomou o nome do rio com esse nome.

A partir de 1910, a estação passou para a administração da Rede de Viação Fluminense da EFCB, no agora ramal de Jacutinga.

Nos anos 1940, a estação teve seu nome alterado para Vila Pentagna, mas, no dístico, sempre aparecia apenas Pentagna, nome também de uma família influente em Valença.

Em 1972, o trecho foi extinto e a estação, desativada.

Serve como moradia há muito tempo, mas em 2016, foi totalmente recuperada. Continua sendo moradia. O nome do dístico voltou a ser Rio Bonito.

E-mail recebido por mim em 9/6/2017: "É com enorme prazer que entro em contato, para informá-lo que a referida Estação foi totalmente restaurada, a partir de uma iniciativa 100% particular, com o intuito de resgatar não apenas a memória da ferrovia em Valença, mas também o belíssimo prédio de arquitetura ímpar. A restauração foi feita com base em fotografias antigas, quadros pintados, vestígios ainda existentes e depoimentos colhidos com ex-ferroviários e moradores do local. Todas as portas e janelas foram restauradas em uma marcenaria de Rio Preto-MG. O telhado do prédio e coberturas das plataformas foram totalmente refeitos, mantendo todas as dimensões originais, formato, telhas francesas, detalhes dos beirais, etc. Toda a restauração da parte de alvenaria e reforço estrutural foram executados, com total fidelidade, sem qualquer alteração ou interferência nos detalhes originais. A pintura seguiu o padrão de cores e detalhes da época em que a mesma esteve operante. Você poderá constatar o resultado visitando o GOOGLE MAPS, bastando digitar: Antiga Estação Ferroviária de Pentagna. Ali, foram postadas algumas fotos. Tomamos a liberdade de indicar no GOOGLE MAPS, o link da página do vosso site, onde constam informações sobre a referida Estação. Aproveito para deixar registrado aqui, minha admiração e respeito pelo excelente padrão e serviço cultural, que o seu site presta a todos os interessados nesse tema. Um grande abraço, Carlos Alberto de Miranda".

ACIMA: Em foto possivelmente do final dos anos 1960, a estação de Vila Pentagna ainda ativa tendo ao lado uma locomotiva da Central do Brasil (Acervo Jorge Ferreira). ABAIXO: O belíssimo, mas mal conservado, prédio da antiga estação de Vila Pentagna - ou Pentagna, somente, em agosto de 2007. A plataforma de blocos, sua cobertura, tudo estava ainda ali. Só faltava o trem passar (Foto Nelson Mendonça Junior).

TRENS - De acordo com os guias de horários, os trens de passageiros - pararam nesta estação somente de 1880 a 1970. Ao lado, um destes trens na estação de Santa Rita do Jacutinga, por volta de 1969. Clique sobre a foto para ver mais detalhes sobre esses trens. Veja aqui horários em janeiro de 1964 (Guias Levi).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Coaraci Camargo; Ana Maria Giesbrecht; Jorge A. Ferreira; Nelson Mendonça Junior; Gustavo Abruzzini; Hugo Caramuru; Max Vasconcellos: Vias Brasileiras de Communicação, 1928; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Estação de Rio Bonito, em 1928. Foto Max Vasconcellos

A estação em 1987. Foto Hugo Caramuru

Estação de Vila Pentagna, em 10/2002. Foto Jorge A. Ferreira

O mesmo prédio, como Vila Pentagna, ou simplesmente Pentagna, em 2002. Foto Gustavo Abruzzini

Estação de Vila Pentagna, em 10/2002. Foto Jorge A. Ferreira

Estação de Vila Pentagna, em 02/2006. Foto Jorge A. Ferreira

A estação em 22/11/2008. Foto Ana Maria Giesbrecht

A estação em 11/2016. Foto Coaraci Camargo
 
     
Atualização: 17.06.2017
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.