A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Rive
Vala do Souza
Cristal
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2010
...
 
E. F. Leopoldina (1908-1972)
VALA DO SOUZA
(JERÔNIMO MONTEIRO) (antiga SABINO)
Município de Jerônimo Monteiro, ES
Ramal Sul do Espírito Santo - km 519,507 (1960)   ES-1714
Altitude: 121 m   Inauguração: 20.05.1908
Uso atual: escola da Prefeitura   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: O Ramal Sul do Espírito Santo, assim denominado pela Leopoldina teve sua origem na E. F. Sul do Espírito Santo, que tinha uma linha construída na região de Vitória e pertencia ao Governo do Estado do Espírito Santo, e na E. F. Caravelas, ambas adquiridas pela Leopoldina em 1908. A Caravelas partia de Vitória para Castelo, de um lado, e para Rive, do outro, bifurcando na estação de Matosinhos (Coutinho). Estes trechos estavam prontos desde 1887. Para chegar a Minas Gerais, na linha do Manhuaçu, como rezava o contrato, a Leopoldina levou cinco anos, abrindo o trecho Rive-Alegre em 1912 e até Espera Feliz, ponto final, em 1913. No final dos anos 60, o trecho Cachoeiro-Guaçuí foi suspenso para passageiros e finalmente erradicado em 26/10/1972. O outro trecho, Espera Feliz-Guaçuí, transportou passageiros até a sua erradicação, em 05/11/1971. Sobram ainda trilhos desde Cachoeiro até próximo à estação de Coutinho, para transportar mármore e granito das diversas serrarias dessas pedras que existem na região.
 
A ESTAÇÃO: A estação teria sido aberta em 1908, de acordo com o Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil de 1960. Mas foi isso mesmo? Neste ramal, entre Cachoeiro e Rive, essas datas estão claramente equivocadas nesse guia no que se refere a Coutinho e a Rive. E pelo menos a localidade de Vala do Souza já estava na linha, entre Coutinho e Rive, desde a abertura da linha pela Lloyd em 1887. O anúncio logo abaixo, publicado em 1888, mostra que nesse ano já existia a estação. O nome da estação foi alterado

ACIMA: Anúncio publicado em revista de 1888 mostrava que a estação de Vala do Souza já existia nessa época. Mattosinhos é a futura estação de Coutinho, e Alegre é certamente a estação de Rive, terminal da linha e que estava na verdade a cerca de 9 km da cidade de Alegre, para onde a linha foi prolongada somente em 1912 (Fonte desconhecida). ABAIXO: Planta da estação de Vala do Souza. Data ilegível (Acervo desconhecido).
posteriormente (quando?) para Sabino, e, nos anos 1940, de novo para Vala do Souza. Trens de passageiros circularam por ali até 1967. A estação chegou a ter o nome do atual município, Jerônimo Monteiro, no fim de sua vida, como mostra a foto abaixo, supostamente de 1968 - embora os guias ferroviários da época não mostrassem isso. Segundo Joseni Gouvêa, "a estação, no município de Jerônimo Monteiro, foi comprada pela cooperativa dos produtores de leite da bacia do Itapemirim, aqui conhecida como Cooperativa SELITA, e abriga hoje um entreposto comercial da cooperativa. Foi preservada em parte pela SELITA, a plataforma está como era nos tempos da Leopoldina". Na verdade, a plataforma foi recentemente alterada, com a transformação das portas em janelas com a construção de uma parede alta, como se vê nas fotos abaixo. O dístico teria sido retirado recentemente, ainda neste ano de 2005. Nem entreposto mais é, hoje ali funciona uma escola da Prefeitura.
(Fontes: Marcos Farias; Joseni Gouvea; Guias Levi, 1932-80; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960)
     

A estação ainda com trilhos e com o nome de Jerônimo Monteiro, em 1968. Acervo da Prefeitura da cidade

A estação, já desativada e como sede de cooperativa. Foto provavelmente dos anos 1990, autor desconhecido

A antiga estação, totalmente descaracterizada, em 11/2005. Foto Marcos A. Farias

A antiga estação, totalmente descaracterizada, em 11/2005. Foto Marcos A. Farias
 
     
Atualização: 02.03.2014
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.