A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
(1940)
Crenaque
Lajão
Barra do Cuietê
...
(1976)
Antonio Vitorino
Conselheiro Pena
Ad. Nascimento
...
(2002)
Resplendor
Conselheiro Pena
Barra do Cuietê
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
E. F. Vitória a Minas (1904-)
CONSELHEIRO PENA (antiga LAJÃO)
Município de Conselheiro Pena, MG
EFVM - km 249 (1960)   MG-0217
Altitude: 123 m   Inauguração: 04.12.1908
Uso atual: estação de passageiros   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A E. F. Vitoria a Minas foi aberta em 1904 num pequeno trecho a partir do porto de Vitória e tinha como objetivo principal transportar as culturas da região ao longo do Rio Doce, especialmente a produção de café. Com enormes dificuldades ela foi avançando no sentido da cidade mineira de Diamantina; em 1910, empresãrios ingleses a compraram para eletrificá-la e transportar minério da região de Itabira. O seu objetivo pasava a ser agora atingir Itabira e se encontrar com a futura linha da EFCB que partindo de Sabará atingiria São José da Lagoa (Nova Era). Em 1919 o empresário americano Percival Farquhar a comprou e depois de inúmeras reviravoltas políticas, a estrada, afinal nunca eletrificada, foi encampada pela recém-fundada Cia. Vale do Rio Doce (CVRD) em 1942, a qual maneja a ferrovia até hoje. Modernizou-a nos anos 1940, alterando o traçado acidentado na região de Vitória, isto depois de a linha ter finalmente se ligado à EFCB em Nova Era em 1937, Em 2002, o antigo ramal de Nova Era foi totalmente modificado e a EFVM passou a comandar a linha desde Vitória até a região de Belo Horizonte, depois de passar por Itabira, região do minério de ferro. É a ferrovia mais rentável do Brasil e uma das pouquíssimas ferrovias a manter no País até hoje os trens de passageiros.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Lajão foi inaugurada em 1908.

Em 1939, o seu nome foi alterado para o atual, Conselheiro Pena. Seu nome, no entanto, ainda iria aparecer em vários lugares como Lajão até 1944.

"Ésio Nascimento, 23 anos de Vale, é inspetor geral ferroviário em Alegria. Iniciou sua carreira fazendo o licenciamento de trens por telégrafo, como auxiliar de estação. Ésio conta uma história pitoresca, que aconteceu quando foi inaugurado o sistema de alto-falantes da Estação de Conselheiro Pena. 'O agente deveria anunciar a saída do trem e falar sobre o novo serviço e havia muita gente, políticos e autoridades, presentes. Nervoso, ele encostou o microfone na boca e acabou levando um choque. Com o susto, o mineirão gritou: 'Uai! Esse trem tá dando choque!'. Os passageiros apavorados abandonaram os carros e foi um custo explicar o que havia acontecido e fazer com que voltassem aos seus lugares" (Do site oficial da CVRD - sem data).

1924
AO LADO:
Acidente com mortes próximo à estação de Lajão (O Estado de S. Paulo, 30/1/1924).

1939
AO LADO:
Mudança de nome da estação de Conselheiro Penna em dezembro de 1939. Já a outra estação (Itaba/Inhabira) não foi encontrada (O Estado de S. Paulo, 9/12/1939).
     

A estação em 2003. Foto Marcos Zeituni

A estação em 2004. Foto Adriano Martins

A estação em 2005. Foto Silvio Rizzo
     
     
Atualização: 11.02.2018
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.