A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Vereda
Jumirim
Laranjal Paulista
...

Tronco EFS - 1935

IBGE-1960
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 1998
...
 
E. F. Sorocabana (1886-1892)
Cia. União Sorocabana e Ytuana (1892-1905)
E. F. Sorocabana (1905-1971)
FEPASA (1971-1998)
JUMIRIM (antiga JURU-MIRIM)
Município de Jumirim, SP
Linha-tronco - km 175,445 (1931)   SP-2166
Altitude: 551 m   Inauguração: 24.06.1886
Uso atual: cartório de paz (2012)   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A E. F. Sorocabana foi fundada em 1872, e o primeiro trecho da linha foi aberto em 1875, até Sorocaba. A linha-tronco se expandiu até 1922, quando atingiu Presidente Epitácio, nas margens do rio Paraná. Antes, porém, a EFS construiu vários ramais, e passou por trocas de donos e fusões: em 1892, foi fundida pelo Governo com a Ytuana, na época à beira da falência. Em 1903, o Governo Federal assumiu a ferrovia, vendida para o Governo paulista em 1905. Este a arrendou em 1907 para o grupo de Percival Farquhar, desaparecendo a Ytuana de vez, com suas linhas incorporadas pela EFS. Em 1919, o Governo paulista voltou a ser o dono, por causa da situação precária do grupo detentor. Assim foi até 1971, quando a EFS foi uma das ferrovias que formaram a estatal FEPASA. O seu trecho inicial, primeiro até Mairinque, depois somente até Amador Bueno, desde os anos 20 passaram a atender principalmente os trens de subúrbio. Com o surgimento da CPTM, em 1994, esse trecho passou a ser administrado por ela. Trens de passageiros de longo percurso trafegaram pela linha-tronco até 16/1/1999, quando foram suprimidos pela concessionária Ferroban, sucessora da Fepasa. A linha está ativa até hoje, para trens de carga.
 
A ESTAÇÃO: Inaugurada como Juru-Mirim em 1896, a estação está hoje situada no recém-emancipado município de Jumirim,

OBRAS OCORRIDAS NA ESTAÇÃO E SEU PÁTIO DE ACORDO COM RELATÓRIOS DA EFS: Extensão dos desvios para 300 m; 1934 - Reforma da estação; pintura do armazém; pintura da casa do portador; confecção de guarita no pátio

desmembrado de Tietê. Fica ao lado da Rodovia Marechal Rondon, ao sul e em nível mais alto que a pista da estrada. Já está um

ACIMA: Trem cargueiro de prefixo Y-76 da ALL, ainda com a locomotiva nas antigas cores e até logotipo da extinta FEPASA, parado nos desvios da antiga e desativada estação de Jumirim, em 26 de abril de 2008 (Foto Stenio Gimenez). ABAIXO: Acidente próximo à estação de Jumirim, em 14/4/2007 (Autor desconhecido).
pouco descaracterizada. Em 2009 era um cartório de paz. "Foi em Jumirim que certa vez o PS-6 ficou retido mais de três horas por conta de um incidente com um cargueiro algumas estações adiante. Como estava em pleno verão, os passageiros secaram os estoques dos botecos ao redor da estação, pois no carro restaurante já não tinha mais nada. Naquela época, o PS-6 passava em Jumirim por volta de 12h00. Fomos reiniciar a viagem aproximadamente às 15h30" (Carlos R. Almeida, 04/2008).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Daniel Gentili; Adriano Martins; Julio Cesar de Paiva; Antonio C. Belviso; Carlos R. Almeida; Relatórios oficiais da E. F. Sorocabana, 1875-1969; IBGE, 1960; Mapas - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação, sem data. Acervo Antonio C. Belviso

A estação em 19/06/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação em 08/2001. Foto Adriano Martins

A estação de Jumirim em 01/2007. Foto Julio Cesar de Paiva

A estação de Jumirim em 01/2007. Foto Julio Cesar de Paiva

A estação já pichada em 14/4/2009. Foto Daniel Gentili

A estação restaurada em 23/3023. Foto Adriano Martins
   
     
Atualização: 13.03.2014
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.