A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Nova Pauliceia
Nova Europa
Macaia
...

Ramal de Rib. Bonito-1950
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2007
...

 
C. E. F. do Dourado (1908-1949)
Cia. Paulista de Estradas de Ferro (1949-1969)
NOVA EUROPA
Município de Nova Europa, SP
Tronco CEFD - km 84,107 (1929)   SP-0192
Ramal de Ribeirão Bonito - km 110,537   Inauguração: 25.09.1908
Uso atual: demolida   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: 1908 (já demolido)
 
 
HISTORICO DA LINHA: Em maio de 1894, foi entregue o ramal de Ribeirão Bonito pela Cia. Paulista, saindo da estação de São Carlos, no tronco, e com ponto terminal em Ribeirão Bonito, em bitola métrica. Em 1900, a Cia. E. F. do Dourado (Douradense) abriu uma linha que unia Ribeirão Bonito a Dourado, com bitola de 60 cm. Em 1910, o tronco da Douradense atingiu Ibitinga e mesmo ano sofreu modificações, aumentando-se a bitola para métrica e alterando a ligação Ribeirão Bonito-Trabiju, colocando a estação de Dourado como ponta de um curto ramal. Somente em 1939 a Douradense prolongou a linha, chegando até Novo Horizonte. Em 1949, a Paulista adquiriu a Douradense, adicionando a sua linha-tronco ao ramal de Ribeirão Bonito, que agora ligaria São Carlos a Novo Horizonte diretamente. Em 1966, a linha entre Ibitinga e Novo Horizonte foi suprimida, e em 3 de janeiro de 1969, todo o ramal de Ribeirão Bonito foi desativado. Os trilhos foram retirados pouco tempo depois.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Nova Europa foi aberta em 1908 pela E. F. Dourado, para atender à recém-criada colônia agrícola aberta pelo próprio Governo do Estado para promover a colonização do local. Era originalmente uma das três colônias resultantes do desmembramento em 1908 do Núcleo Colonial do Cambuhy, organizado pelo Governo já visando, ao que parece, a chegada da ferrovia. Mais tarde, tornou-se município. Já em 20/11/1909, o jornal O Estado de S. Paulo noticiava a criação no núcleo Nova Europa (na estação?) de uma agência postal de quarta classe. Em

ACIMA: O centro de Nova Europa, em maio de 1946, com a linha da então Cia. E. F. do Dourado passando a menos de um quarteirão da praça central. A estação não aparece, mas era muito próxima dali (Acervo Instituto Geográfico e Cartográfico de São Paulo, maio de 1946). ABAIXO: Nova Europa, a colônia, em 1908 (Autor desconhecido).
1931, o pátio da estação foi cercado por ripões de madeira, na parte fronteira à cidade. Em 1949, passou a ser parte do ramal de Ribeirão Bonito, da Cia. Paulista, com a compra da ferrovia por esta. Após a desativação, em 02/01/1969, junto com o ramal, a estação foi utilizada seguidamente como fábrica de farinha de mandioca, depois como lavadora de laranjas, sendo com isso aos poucos descaracterizada interna e externamente até ficar abandonada. Em 1990, em perigo de ruir, acabou sendo demolida pela Prefeitura. No local foi construída a estação rodoviária da cidade.
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Sonia e Alaor, da Prefeitura da cidade de Nova Europa; Arquivo do Estado de São Paulo; A Vida Moderna, 1918; IBGE: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, 1958; E. F. Dourado: Relatório anual, 1909; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht).
     

Capa do estudo que deu origem aos núcleos de Gavião Peixoto, Nova Paulicéia e Nova Europa, no início do século. Acervo do Arquivo do Estado de São Paulo

Em 1918, a comitiva acaba de chegar de trem na colônia Nova Europa. O comboio da E. F. Dourado está atrás. Foto da revista A Vida Moderna, 1918

A estação de Nova Europa em 1956.
Foto da Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, IBGE, 1958
     
     
Atualização: 08.01.2012
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.