A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Macacos
Linda Flor
Ilha das Flores
...

Linha Sul (1940)
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...

 
E. F. Ribeirão a Bonito (n/d-1907)
Great Western (1907-1950)
Rede Ferroviária do Nordeste (1950-1970)
LINDA FLOR
Município de Cortez, PE
Ramal de Cortez - km 106 (1960)   PE-4619
Altitude: 187 m   Inauguração: 01.07.1907
Uso atual: moradia   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A Estrada de Ferro de Ribeirão a Bonito, que partia da estação de Ribeirão, na linha Sul da RFN desde provavelmente os últimos anos da década de 1890, foi adquirida pela Great Western em 1907 e se tornou o ramal de Cortez, com pouco menos de 30 km de extensão e sem jamais ter sido prolongado até Bonito. O ramal seguiu operando até 1970, quando foi desativado.
 
A ESTAÇÃO: Em 1907, a Great Western do Brasil incorporou a Estrada de Ferro de Ribeirão a Bonito, com o compromisso de reconstruir parte da ferrovia, que já tinha tráfego, e a apresentar os estudos ao Governo para o prolongamento de Cortez até a cidade de Bonito. Desde quando operava esta ferrovia? As pouquíssimas informações que consegui me levam a, talvez, final da década de 1890. E quando a GWB a incorporou, estava

ACIMA: A linha do ramal dentro do município de Cortez, anos 1950. A estação de Linda Flor aparece próxima ao canto direito do mapa (Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, IBGE, volume XVIII, 1958).
provavelmente com problemas, pois, acima, vê-se que ela teria de investir no seu leito para recuperá-la. A data de inauguração citada acima (1 de julho de 1907) é apenas a data de incorporação da estação e da ferrovia à GWB. Segundo relata André Luís, do blog http://memoriaferroviariadepe.blogspot. com.br, em
6/3/2013: "
Na estação Linda Flor, também fomos bem recebidos e conhecemos seu Horácio, 74 anos, atual dono do prédio da estação que nos contou um pouco sobre o Ramal de Cortês quando ainda funcionava: 'Eu morava aqui, tinha cinco casas aqui (de frente para estação) e eu pegava trem nesta estação para Ribeirão... estou com 74 anos. O trem passava aqui às cinco horas da manhã, ia pra Ribeirão; no dia de hoje (sábado) ele só vinha de noite (para Cortês). Agora no dia de domingo era que às duas e meia ele vinha voltando'. A estação de Linda Flor encontra-se muito bem preservada. Dona Lúcia, vizinha da estação, nos mostrou algumas cédulas antigas e moedas que guarda. Ela falou ter encontrado tudo perto da estação, tendo sido possivelmente do tempo em que a ferrovia era ativa".
(Fontes: André Luís; http://memoriaferroviariadepe.blogspot.com.br; Estevão Pinto, História de uma estrada de ferro no Nordeste, 1949; www.ribeiraope.com.br; IBGE: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, volume IV, 1958; www.museudouna.com.br; site www.cprh.pe.gov.br/downloads; Anuário dos Diários Associados, 1931; www.bndes.gov.br/conhecimento/revista/rev1707; Mapa - acervo R. M Giesbrecht)
     

A estação em 3/2013. Foto André Luís

A estação em 3/2013. Foto André Luís
   
     
Atualização: 14.04.2013
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.