A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Macacos
Douradoquara
Grupiara
...

IBGE-1957
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...
 
Rede Mineira de Viação (1942-1965)
V. F. Centro-Oeste (1965-1975)
RFFSA (1975-anos 1990)
DOURADOQUARA
Município de Monte Carmelo, MG
Linha-Tronco - km 1.035,571 (1960)   MG-3450
Altitude: 622 m   Inauguração: 11.11.1942
Uso atual: demolida e submersa   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco da RMV foi construída originalmente pela E. F. Oeste de Minas a partir da estação de Ribeirão Vermelho, onde a linha de bitola de 0,76 chegou em 1888. A partir daí, a EFOM iniciou seu projeto de ligar o sul de Goiás a Angra dos Reis, passando por Barra Mansa por bitola métrica: construída em trechos, somente em 1928 a EFOM chegou a Angra dos Reis, na ponta sul, e no início dos anos 1940 a Goiandira, em Goiás, na ponta norte, e já agora como Rede Mineira de Viação. A linha chegou a ser eletrificada entre Barra Mansa e Ribeirão Vermelho, e transportou passageiros até o início dos anos 1990. Nos anos 1970, o trecho final norte entre Monte Carmelo e Goiandira foi erradicado devido à construção de uma represa no rio Paranaíba, e a linha foi desviada para oeste encontrando Araguari. Hoje (2003) a linha, já não mais eletrificada, é operada pela concessionária FCA.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Douradoquara foi inaugurada em 1942, longe da sede do distrito do mesmo nome, no prolongamento do tronco da RMV que o uniria a Goiandira. Foi inaugurada oficialmente dois anos depois: "Em 11 de fevereiro de 1944, com a presença dos chefes de governo mineiro e goiano, representantes dos Srs. Ministro da Viação e Diretor Geral do Departamento Nacional de Estradas de Ferro e altas autoridades federais e estaduais, foi oficialmente inaugurada a linha Patrocínio a Ouvidor, com a extensão de 179 km, construída pela Rede Mineira de Viação. A construção desta importante ligação ferroviária era velha aspiração de mineiros e goianos, que por muitos anos pleitearam a realização dessa obra, a fim de que os produtos da economia de Goiaz e do nordeste de Minas pudessem atingir o porto de Angra dos Reis em linha direta, pela Rede Mineira de Viação. São inumeráveis as consequências econômicas que advêm da ligação de Minas ao Estado de Goiaz. Toda a zona agropecuária que se estende paralelamente aos novos trilhos da Rede ficou em condições de escoar rapidamente a sua produção, fazendo-a chegar ao litoral brasileiro depois de atravessar vasta região do nosso território" (Texto extraído do relatório da RMV para 1944).

As datas oficiais, entretanto, de inauguração do trecho Monte Carmelo-Ouvidor acusam 11/11/1942 para todas as estações deste trecho.

A estação foi demolida em 1982.

Todo este trecho, no início dos anos 1990, foi retirado por causa da construção de uma represa. A linha, a partir de Celso Bueno, passou a seguir para oeste, para Araguari.

A estação foi submergida pelas águas da represa. "Este é o local (ver fotos abaixo) onde se situava a estação de Douradoquara, bem como o vilarejo que a rodeava. Hoje eles jazem a mais ou menos 20 metros de profundidade na represa de Emborcação da CEMIG. Que pena! Pois tenho muito e especial apreço por esta estação. Meu pai veio trabalhar nela; conheceu minha mãe e eu nasci" (Roberto Fonseca Dias, 08/2006).

(Fontes: Luiz Gonzaga Ramos; Roberto Fonseca Dias; Mario Gonçalves da Paixão; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; relatório da RMV para 1944)
     

A estação, talvez anos 1970. Acervo Mario Gonçalves da Paixão

A estação em agosto de 1981. Dez meses mais tarde o prédio foi demolido. Foto Luiz Gonzaga Ramos

A estação em agosto de 1981. Dez meses mais tarde o prédio foi demolido. Foto Luiz Gonzaga Ramos

As fundações da antiga estação em 1991. Foto Luiz Gonzaga Ramos

As fundações da antiga estação em 1991 Foto Luiz Gonzaga Ramos

Local da antiga estação, hoje sob as águas. Foto Roberto Fonseca Dias

Local da antiga estação, hoje sob as águas. Foto Roberto Fonseca Dias

As fundações da antiga estação em 1991. Foto Luiz Gonzaga Ramos
 
     
Atualização: 19.11.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.