A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
(1971-2001)
Tambaú-nova
Santos Dumont-nova
São Simão-nova
...

Tronco CM-1935
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 1999
...
 
Cia. Mogiana de Estradas de Ferro (1971)
FEPASA (1971-1998)
SANTOS DUMONT-NOVA
Município de Santa Rosa de Viterbo, SP
Variante Tambaú-Bento Quirino - km 217,210 (1986)   SP-2834
    Inauguração: 25.02.1971
Uso atual: em ruínas   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1986
 
 
HISTORICO DA LINHA: Construída lentamente nos anos 1960 e inaugurada no início de 1971, esta variante, que iniciando-se em Tambaú-nova, chegava até pouco depois da estação de Bento Quirino. Com a junção dessa variante com a de Bento-Quirino-Entroncamento, em 1971, o trecho antigo ficou fora da linha. A linha substituía a linha original da Mogiana, que com isso desativou várias estações e criou versões novas de apenas duas: Santos Dumont e São Simão. Trens de passageiros circularam pela variante, que se tornou parte do novo tronco da ex-Mogiana, até 1997. Hoje a linha transporta apenas carga, sendo operada pela FCA.
 
A ESTAÇÃO: O leito novo da ex-Mogiana, a variante Tambaú-Bento Quirino, inaugurada em 1971 nesse trecho, deixou a antiga estação de Santos Dumont a cerca de 200 metros longe, e uma nova estação foi criada na variante com o mesmo nome: Santos Dumont-nova, em 1972. Durante muitos anos, a estação funcionou em um vagão adaptado; em 1986, inaugurou-se o seu prédio definitivo. Nela, carregava-se madeira para a Champion. Ela fica num local bem isolado, perto de uma plantação de eucaliptos, e para se chegar a ela há que se seguir por cerca de sete quilôme-tros, em terra, a a partir da estrada Tambaú-São Simão, e por dentro de um canavial; a seu lado, um edifício maior, aparentemen-te de alojamentos, estava já em 1999 abandonado e com sinais de depredação. Em 2008, a estação já está em ruínas. (veja também SANTOS DUMONT)
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local, 1999; Ademir Franco de Souza; FEPASA: Relatório de instalações fixas, 1986; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação ainda ativa em 1986. Foto do relatório da Fepasa, 1986

A estação já abandonada, em 25/04/1999. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação já abandonada, em 25/04/1999. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação em 2005. Foto Ademir Franco de Souza

A estação já arruinada, em novembro de 2007. Foto Ricardo Anacleto
 
     
Atualização: 09.06.2012
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.