A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Orlândia-nova
S. Joaquim da Barra-nova
Guará-nova
...

Variante Entroncamento-Amoroso Costa - 1980
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2002
...
 
Fepasa (1979-1998)
SÃO JOAQUIM DA BARRA-NOVA
Município de São Joaquim da Barra, SP
Variante Entroncamento-Amoroso Costa - km 374,880 (1986)   SP-2853
Altitude: -   Inauguração: 1979
Uso atual: abandonada (2016)   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1979
 
 
HISTORICO DA LINHA: A variante Entroncamento-Amoroso Costa foi construída e aberta pela Fepasa em 6 de fevereiro de 1979, para cargas, e em 10 de maio de 1979, para substituir o antigo ramal de Igarapava, da ex-Mogiana, passando a oeste da linha velha e com novas estações. A variante, unida ao tronco retificado da antiga Mogiana, passaram a constituir uma linha única entre Boa Vista, em Campinas, e Araguari, em Minas Gerais. O tráfego de passageiros da linha cessou em setembro de 1997.
 
A ESTAÇÃO: A estação de São Joaquim da Barra-nova foi construída pela Fepasa e entregue no ano da abertura da linha (1979), com o mesmo estilo das outras novas do ramal. Fica na avenida do Ceagesp, longe da cidade, numa zona industrial.

Os trens de passageiros não passam ali desde setembro de 1997.
Até essa época a Fepasa ainda embarcava ali sorgo, milho
e soja.

Em 2002 a estação estava abandonada e completamente depredada, sem eletricidade, cortada quando saiu de lá o último funcionário da Fepasa. Vivia ali um rapaz miserável, com seu filho de chupeta na boca, ambos fazendo uma fogueira dentro de um dos cômodos para secar roupas. Um triste cenário. Em 2016, o prédio estava abandonado.

(Veja também SÃO JOAQUIM DA BARRA)

ACIMA: A estação e pátio em 14/2/1996 (Foto Carlos R. Almeida). ABAIXO: Fachada da estação, provavelmente anos 1980 (Foto Silvio J. Santos).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Silvio J. Santos; Foto Glaucio Henrique Chaves; Carlos R. Almeida; Lucio Falleiros: Memórias de São Joaquim-II, 1995; Diário da Manhã, Ribeirão Preto, 10/05/1979; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação com o trem de passageiros em frente, em 1995. Foto do livro Memórias de São Joaquim-II, de Lucio Falleiros

A estação abandonada e depredada, em 20/01/2002. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação abandonada e depredada, mas ainda com placa, em 20/01/2002. Foto Ralph M. Giesbrecht

A fachada da estação abandonada e depredada, em 20/01/2002. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação abandonada em 2016. Foto Glaucio Henrique Chaves

A estação abandonada em 2016. Foto Glaucio Henrique Chaves
     
Atualização: 22.12.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.