A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Visconde do R.Claro-velha
Tupi
Conde do Pinhal
...
 
Cia. Paulista de Estradas de Ferro (1902-1916)
TUPI
Município de São Carlos, SP
Linha-tronco métrica - km ?   SP-2932
    Inauguração: 01.09.1902
Uso atual: demolida   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: 1902 (já demolido)
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco da Cia. Paulista foi aberta com seu primeiro trecho, Jundiaí-Campinas, em 1872. A partir daí, foi prolongada até Rio Claro, em 1876, e depois continuou com a aquisição da E. F. Rio-Clarense, em 1892. Prosseguiu por sua linha, depois de expandi-la para bitola larga, até São Carlos (1922) e Rincão (1928). Com a compra da seção leste da São Paulo-Goiaz (1927), expandiu a bitola larga por suas linhas, atravessando o rio Mogi-Guaçu até Passagem, e cruzando-o de volta até Bebedouro (1929), chegando finalmente a Colômbia, no rio Grande (1930), onde estacionou. Em 1971, a FEPASA passou a controlar a linha. Trens de passageiros trafegaram pela linha até março de 2001, nos últimos anos apenas no trecho Campinas-Araraquara.
 
A ESTAÇÃO: Tupi era um posto telegráfico, inaugurado em 1902. Foi desativado em maio de 1915, um ano antes da inauguração do trecho de bitola larga. Em 1918, o prédio de Tupi ainda existia, desativado, sendo citado no álbum dos 50 anos da Paulista, Mais tarde, foi demolido. Quatro anos mais tarde, uma nova estação, com o mesmo nome, foi inaugurada pela Paulista, no ramal de Piracicaba (ver também Tupi-ramal de Piracicaba).
     

Em 1918, o já desativado posto de Tupi. Álbum dos 50 anos da Paulista


     
     
Atualização: 20.12.2014
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.