A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Coronel Mursa
Bacaetava
Iperó
...

Tronco EFS-1935

IBGE-1956
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 1998
...
 
E. F. Sorocabana (1928-1971)
FEPASA (1971-1998)
BACAETAVA (NOVA)
Município de Iperó, SP
Linha-tronco - km 133,932 (1931)   SP-0871
Altitude: 534 m   Inauguração: 1928
Uso atual: demolida   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1928
 
 
HISTORICO DA LINHA: A E. F. Sorocabana foi fundada em 1872, e o primeiro trecho da linha foi aberto em 1875, até Sorocaba. A linha-tronco se expandiu até 1922, quando atingiu Presidente Epitácio, nas margens do rio Paraná. Antes, porém, a EFS construiu vários ramais, e passou por trocas de donos e fusões: em 1892, foi fundida pelo Governo com a Ytuana, na época à beira da falência. Em 1903, o Governo Federal assumiu a ferrovia, vendida para o Governo paulista em 1905. Este a arrendou em 1907 para o grupo de Percival Farquhar, desaparecendo a Ytuana de vez, com suas linhas incorporadas pela EFS. Em 1919, o Governo paulista voltou a ser o dono, por causa da situação precária do grupo detentor. Assim foi até 1971, quando a EFS foi uma das ferrovias que formaram a estatal FEPASA. O seu trecho inicial, primeiro até Mairinque, depois somente até Amador Bueno, desde os anos 20 passaram a atender principalmente os trens de subúrbio. Com o surgimento da CPTM, em 1994, esse trecho passou a ser administrado por ela. Trens de passageiros de longo percurso trafegaram pela linha-tronco até 16/1/1999, quando foram suprimidos pela concessionária Ferroban, sucessora da Fepasa. A linha está ativa até hoje, para trens de carga.
 
A ESTAÇÃO: Uma das estações mais antigas da linha, Bacaetava foi inaugurada como ponta de linha em 1880. Em 1928, uma nova

OBRAS OCORRIDAS NA ESTAÇÃO E SEU PÁTIO DE ACORDO COM RELATÓRIOS DA EFS: 1934 - Inauguração da cabine de sinalização; construção de casa de madeira para a turma

estação (Bacaetava-nova) foi construída, devido à retificação e duplicação da linha e aparentemente, como diversas outras da linha, em local diferente da estação original, que foi desativada e ficou fora da linha nova. Foi demolida por volta de 1981, sem uma explicação lógica para isso, visto que o trem ainda continuou por

ACIMA: pontilhão junto à ex-estação de Bacaetava-nova. AO LADO: escadaria de acesso à ex-estação (Fotos Eric Mantuan Camargo, 13/01/2009).
muitos anos a parar na plataforma quando havia passageiros. A história conta que o pequeno coberto que se vê na fotografia foi mandado
ABAIXO: Os limites do mapa abaixo são os limites da Fazenda Ipanema no ano de 1928 (CLIQUE SOBRE O MAPA PARA VÊ-LO EM TAMANHO MAIOR). Nesse mesmo ano, desativou-se a estação velha e inaugurou-se a nova. Aparentemente, elas eram muito proximas, de forma que a estação está colocada após a junção das linhas nova (a atual) e velha (desativada na época) (Serviço Geographico Militar, 1928).


ACIMA: Estação de Bacaetava-nova vista ao longe. Provavelmente anos 1970 (Acervo Luís Gustavo Lopes).
construir exatamente sobre o piso de cerâmica, ainda hoje
existente, do corredor original da bilheteria da estação, um pouco depois da sua demolição, por um funcionário da FEPASA em Iperó, para que sua esposa, professora no bairro de Bacaetava, pudesse esperar pelo trem sentada, com um pouco de sombra. (Veja também BACAETAVA-VELHA)
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Emilio Guazelli; Helcio Pedroso; Eric Mantuan Camargo; Adriano Martins; Hugo Augusto Rodrigues; Acervo Luís Gustavo Lopes; E. F. Sorocabana, relatórios anuais, 1875-1969; Mapas - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação nos anos 1970. Foto Emilio Guazelli

A estação nos anos 1970. Acervo Luís Gustavo Lopes
 

Em 02/04/1998, a desolação da plataforma e seu coberto de madeira de Bacaetava-nova. Foto Ralph M. Giesbrecht

Em 09/2001, a única coisa que mudou em Bacaetava-nova foi a quantidade de mato que hoje existe sobre a plataforma. Até o coberto sobreviveu. Foto Adriano Martins

Em 01/2009, a demolida estação de Bacaetava-nova. Foto Eric Mantuan Camargo
     
Atualização: 08.09.2013
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.