A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Índice de estações
...
Senador Pompeu
Eng. José Lopes
Piquet Carneiro
...

Linha-tronco - 1950
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
Rede de Viação Cearense (1922-1975)
RFFSA (1975-1997)
ENGENHEIRO JOSÉ LOPES
Município de Senador Pompeu, CE
Linha-tronco - km 304,064 (1960)   CE-4226
Altitude: 226 m   Inauguração: 31.12.1922
Uso atual: abandonada (2010)   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco, ou linha Sul, da Rede de Viação Cearense surgiu com a linha da Estrada de Ferro de Baturité, aberta em seu primeiro trecho em 1872 a partir de Fortaleza e prolongada nos anos seguintes. Quando a ferrovia estava na atual Acopiara, em 1909, a linha foi juntada com a E. F. de Sobral para se criar a Rede de Viação Cearense, imediatamente arrendada à South American Railway. Em 1915, a RVC passa à administração federal. A linha chega ao seu ponto máximo em 1926, atingindo a cidade do Crato, no sul do Ceará. Em 1957 passa a ser uma das subsidiárias formadoras da RFFSA e em 1975 é absorvida operacionalmente por esta. Em 1996 é arrendada juntamente com a malha ferroviária do Nordeste à Cia. Ferroviária do Nordeste (RFN). Trens de passageiros percorreram a linha Sul supostamente até os anos 1980.
 

A ESTAÇÃO: A estação de Engenheiro José Lopes foi inaugurada em 1922.

Chamou-se também Parada Sitio.

A estação ferroviária de José Lopes era um importante símbolo histórico do distrito. Estavv ligada às origens da comunidade, que se desenvolveu a partir dessa parada. Uma vila ferroviária com casas seguia a margem direita da estrada de ferro e fazia parte da história do Ceará. A localidade é um distrito do município de Senador Pompeu.

"Como esse lugar fica perto de Mombaça, aquela pequena cidade cearense que entrou para a história do Brasil e para o folclore político tupiniquim ao tornar-se capital do Brasil por alguns dias, essa foto também acaba sendo um belo retrato do Brasil da atualidade. Para quem não se lembra desse episódio, ele aconteceu em 1989, quando o José Sarney, que obviamente não tinha vice, foi viajar para o exterior e o presidente da Câmara dos Deputados, o Paes de Andrade, assumiu interinamente a presidência da república. E foi aí que o camarada fez o impensável, juntou uma comitiva de 63 pessoas e viajou a Mombaça, sua pequena cidade natal (deve ter uns 40 ou 50 mil habitantes), para uma série de festejos. Como a legislação permite que o Congresso Nacional decida a mudança temporária da capital, ele mandou ver e declarou aquela cidade como capital temporária da nação durante os dias em que ele estivesse por lá. Esse episódio entrou para a história com o jocoso apelido de a República de Mombaça e, para completar a festa, ele ainda mandou construir naquela sua cidadezinha um moderno aeroporto, que até hoje não serve para nada" (Wanderley Duck, 31/12/2014).

Em 2014, o prédio da antiga estaçãozinha ainda existia, abandonado.

(Fontes: Washington Luiz; Wanderley Duck; http://osmarlfilho.blogspot.com; http:// institutocasarao.blogspot.com, 9/2/2010; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)

     

A Parada 307, ou seja, a estação José Lopes. O mesmo prédio. Data desconhecida. http://osmarlfilho. blogspot.com

Estação de José Lopes em 2010. Foto Instituto Casarão

Estação de José Lopes em 2010. Foto Instituto Casarão

Estação de José Lopes em 2010. Foto Instituto Casarão

A estação em 2014. Foto Washington Luiz em 19/8/2014
 
     
Atualização: 12.02.2017
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.