A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Banco Verde
Silveira Carvalho
Barão de Monte Alto
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/N
...
 
E. F. Leopoldina (1901-1975)
RFFSA (1975-1979)
SILVEIRA CARVALHO
Município de Barão de Monte Alto, MG
Linha de Manhuaçu-km 355,592 (1960)   MG-1730
Altitude: 213 m   Inauguração: 01.09.1901
Uso atual: ainda de pé   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha que ligava a estação de Recreio a Santa Luzia (Carangola) teve a sua concessão e construção a cargo da Companhia Alto Muriaé, estabelecida em 1880. Em 2/5/1883, a empresa foi incorporada pela E. F. Leopoldina. Uma alteração de traçado da linha original para Muriaé levou a Leopoldina a passar por uma pequena extensão dentro de território fluminense, onde estava Santo Antonio (Porciúncula), retornando para Minas, seguindo para Carangola, onde chegou em 1887. De 1911 a 1915, a Leopoldina prosseguiu a linha até Manhuaçu, seu ponto final. O trecho Manhuaçu-Carangola foi fechado em 23/07/1975. Porciúncula-Carangola foi fechado em 1977, e em 1979, fechou-se a linha entre Cisneiros e Porciúncula. O pequeno trecho Recreio-Cisneiros nunca foi oficialmente suprimido.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Silveira Carvalho foi inaugurada em 1901. A agência postal foi criada na estação em dezembro do mesmo ano. A cidade homenageia o Capitão José Francisco de Silveira Carvalho, seu fundador e vereador de São Paulo do Muriaé (atual Muriaé), na primeira legislatura da república. A estação foi desativada em 1979. O prédio da estação ainda está de pé, mas




ACIMA: Carimbo postal da agência da estação de Silveira Carvalho. A mala postal vinha do Rio de Janeiro pela E. F. Central do Brasil, passando por Barra do Piraí, em seguida pela Linha do Centro até Entre Rios (atual Três Rios) e pelo ramal do Porto Novo Até Porto Novo do Cunha. Seguia então pela E. F. Leopoldina (Linha Tronco) até Recreio e então pelo Ramal de Muriaé ao destino (Texto e reprodução Márcio Protzner). AO LADO: A estação de Silveira Carvalho, conservada, em 2008 (Foto Márcio Protzner).
não tenho idéia de seu uso. O estado externo do prédio é bom; está conservado.
(Fontes: Sargento Rangel; Wanderley Duck; Marcio Protzner; IBGE: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, vol. VII, 1958; Edmundo Siqueira: Resumo Histórico da Leopoldina Railway, 1938; Cyro Pessoa Jr.: Estudo Descritivo das Estradas de Ferro do Brasil, 1886; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Guias Levi, 1932-80)
     

A estação em 2003. Foto cedida por Wanderley Duck

A estação em 2011. Foto Sargento Rangel
     
Atualização: 21.12.2014
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.