A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Passa-Cinco
Pomba
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...
 
E. F. Leopoldina (1879-1965)
POMBA
Município de Rio Pomba, MG
Ramal de Rio Pomba - km 280,214 (1960)   MG-1827
Altitude: 433 m   Inauguração: 02.07.1879
Uso atual: Loja Maçonica (2007)   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: 1913?
 
 
HISTORICO DA LINHA: O ramal do Pomba, também chamado de ramal do Rio Pomba, foi autorizado por uma concessão provincial em 1878 e foi aberto ao tráfego em 1879, saindo da estação de Guarani, na linha Três Rios-Caratinga, e atingindo a cidade de Pomba. Foi fechado em 01/05/1965.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Pomba foi inaugurada em 1879 pela E. F. Leopoldina. Há fontes que dão a data de abertura como sendo em 1/7/1886, o que mostra que houve duas inaugurações. Não se sabe a razão do fato. Ela era a estação terminal do ramal do Rio Pomba. Há uma notícia de 1913 (abaixo) que afirma que a estação mudaria de local. Isso realmente teria ocorrido? De qualquer forma,

ACIMA e ABAIXO: Convite - capa e interior - para a inauguração do ramal do rio Pomba em 1/7/1886. O almoço foi oferecido por F. Castellões e a ilustração é de G. Leuzinger & filhos (coleção de posse ignorada)


ACIMA: A estação e o ramal de Pomba foram inaugurados em 1879. Houve duas inaugurações. Uma em 1879 e outra em 1886. Por que? Uma nova estação? A outra era provisória? (Jornal do Recife, 2/7/1879). ABAIXO: A estação tinha virador de locomotiva. Afinal, era estação terminal de um ramal (Acervo Museu Histórico de Rio Pomba, sem data).



ACIMA: A cidade de Rio Pomba - muito bonita nos anos 1930. Como estará hoje? (Foto A. Dias). ABAIXO: O laticínio, em frente à estação de Pomba, de onde o leite seguia pela Leopoldina para o Rio de Janeiro (Foto Ricardo Quinteiro de Mattos em outubro de 2007).

a estação foi fechada com o ramal, em 01/05/1965. Isabela Gomes afirma que o fechamento do ramal para trens de passageiros ocorreu em julho de 1964. A estação de Pomba foi reformada pela Loja Maçônica Fraternidade Mineira, o maçom Joaquim Lomeu é o responsável por sua conservação. De acordo com ele, em frente a estação havia uma grande cooperativa de laticínios, onde o leite ali produzido seguia pela Leopoldina para Guarani e de lá para o Rio de Janeiro. Em frente há também um grande armazém construído na época da estação.

TRENS - De acordo com os guias de horários, os trens de passageiros - pararam nesta estação de 1879 a 1965. Ao lado, um destes trens está na estação de Pomba, possivelmente nos anos 1950. Clique sobre a foto para ver mais detalhes sobre esses trens. Veja horarios em julho de 1948 (Guias Levi).
(Fontes: Ricardo Quinteiro de Mattos; Sylvio Caiaffa; A. Dias; Jorge Alves Ferreira; Preserve; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960)
     

A estação de Pomba, sem data. Foto Preserve

A estação e o trem da Leopoldina Railway em 1925. Acervo Sylvio Caiaffa

A estação desativada em 2001. Foto Jorge Alves Ferreira

A estação desativada em 2001. Foto Jorge Alves Ferreira

A estação em 2007. Foto Ricardo Quinteiro de Mattos
 
     
Atualização: 31.10.2015
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.