A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Imboassica
Macaé
Cabiunas
...
Saída para o ramal de Glicério: Mundéus
...
Saída para o ramal de Imbetiba: Imbetiba
...
Saída para o ramal de Macaé (E. F. Maricá): Rio das Ostras
...

...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: N/D
...
 
E. F. Macaé a Campos (1873-c.1890)
E. F. Leopoldina (c.1890-1975)
RFFSA (1975-1996)
MACAÉ
Município de Macaé, RJ
Linha do Litoral - km 222,162 (1960)   RJ-1911
Altitude: 5 m   Inauguração: 13.06.1873
Uso atual: escritório da ferrovia   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1957
 
 
HISTORICO DA LINHA: O que mais tarde foi chamada "linha do litoral" foi construída por diversas companhias, em épocas diferentes, empresas que acabaram sendo incorporadas pela Leopoldina até a primeira década do século XX. O primeiro trecho, Niterói-Rio Bonito, foi entregue entre 1874 e 1880 pela Cia. Ferro-Carril Niteroiense, constituída em 1871, e depois absorvida pela Cia. E. F. Macaé a Campos. Em 1887, a Leopoldina comprou o trecho. A Macaé-Campos, por sua vez, havia consttuído e entregue o trecho de Macaé a Campos entre 1874 e 1875. O trecho seguinte, Campos-Cachoeiro do Itapemirim, foi construído pela E. F. Carangola em 1877 e 1878; em 1890 essa empresa foi comprada pela E. F. Barão de Araruama, que no mesmo ano foi vendida à Leopoldina. O trecho até Vitória foi construído em parte pela E. F. Sul do Espírito Santo e vendido à Leopoldina em 1907. Em 1907, a Leopoldina construiu uma ponte sobre o rio Paraíba em Campos, unindo os dois trechos ao norte e ao sul do rio. A linha funciona até hoje para cargueiros e é operada pela FCA desde 1996. No início dos anos 80 deixaram de circular os trens de passageiros que uniam Niterói e Rio de Janeiro a Vitória.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Macaé foi inaugurada em 1873 pela E. F. Macaé a Campos. A data de abertura citada pelo Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, de 1960 é a de 5 de abril de 1891. Poderia ser esta a inauguração de uma nova estação, no mesmo ou em outro local, dado que, nesta época, a Leopoldina tinha acabado de adquirir a ferrovia Macaé-Campos? O fato é que sem a menor margem de dúvida, existia uma estação ferroviária em Macaé desde 1873.

Em 1888, a E. F. Cantagalo, na época já adquirida pela mesma E. F. Macaé a Campos, ligou a cidade de Rio Bonito, onde a linha havia chegado oito anos antes, ao porto de Imbetiba, um dos mais importantes do País na época, ligando Niterói ao porto para escoar toda a produção agrícola da região. Em 1890, a Leopoldina já era dona das duas linhas e logo providenciou a ligação delas, haja vista que o porto de Imbetiba já apresentava sinais de decadência pois as linhas a essa época já estavam ligadas ao porto do Rio de Janeiro. Há uma outra data de inauguração citada para a estação de Macaé: 5 de abril de 1891. Por que? Seria uma nova estação, em local diferente, por causa da união das linhas? É possível. Até o início dos anos 1980 ainda passavam por ali trens de passageiros procedentes do Rio de Janeiro e de Niterói. Hoje somente alguns cargueiros permanecem no pátio da estação cujo prédio atual foi inaugurado pelo Presidente Juscelino Kubitscheck em agosto de 1957. Da estação saíam três ramais: um da E. F. Maricá no sentido de Rio das Ostras (este não é visto no mapa acima), outro para Imbetiba e outro para Glicério. Em 2011, a estação, conservada, anuncia "o metrô de Macaé". Na verdade, VLTs - Veículos Leves sobre Trilhos, nas linhas já existentes e atualmente concessionadas à FCA - e atualmente praticamente sem uso. Será que sai mesmo? Se depender da publicidade existente, vai...

ACIMA: Reportagem sobre a união de Macaé a Niteroi em 1888 - CLIQUE SOBRE A NOTICIA PARA VE-LA INTEIRA (Gazeta de Noticias, 4/11/1888).

ACIMA: A estação de Macaé em 1923, diferente da atual. Terá sido esta a original de 1874? Pode até ser, pela arquitetura (O Malho, 2/6/1923). ABAIXO: Neste mapa de 1892, a estação de Macahé, à direita (Fonte desconhecida).


ACIMA: Pátio e estação de Macaé, possivelmente anos 1960 (Foto: autor desconhecido - cessão João Silva). ABAIXO: Mapa dp município de Macaé em meados dos anos 1950.Vêem-se quatro linhas: a linha do Litoral, vindo do canto inferior esquerdo para o canto superior direito. Outra linha á o ramal do Glicério, partindo do centro de Macaé para noroeste. A terceira linha é mostrada somente em seu início, partindo da estação de Conde de Ararauama para o oeste e entrando no município de Conceição de Macabu. Finalmente, as linhas da Fazenda Quissamã, partindo da estação de Conde Araruama para o leste, com ramificações (IBGE: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, vol. VII, 1958).


ACIMA: A linha da antiga Leopoldina passa entre as várias pistas da avenida próxima à praia em Macaé (Foto Carlos R. Almeida, 26/7/2011). ABAIXO: Saída do extinto ramal de Glicério (Foto Alex Medeiros em 2015).

(Fontes: João Silva; Alexandre L. Giesbrecht; Eliezer Magliano; Carlos Roberto de Almeida; Christoffer R.; Fon-fon, 1917; Gazeta de Noticias, 1888; Edmundo Siqueira: Resumo Histórico da Leopoldina Railway, 1938; IBGE: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, vol. VII, 1958; Guia Geral das Estradas de Ferro do Brasil, 1960; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação de Macaé em 1917, no dia da inauguração da energia elétrica na cidade. Fon-fon, 6/9/1917)

Estação de Macaé em 1971. Foto enviada por Christoffer R.

Estação de Macaé, em 22/11/2003. Foto Alexandre L. Giesbrecht

Bilheteria da estação de Macaé, em 22/11/2003. Foto Alexandre L. Giesbrecht

Estação de Macaé e o pátio, em 22/11/2003. Foto Alexandre L. Giesbrecht

Estação de Macaé, ao fundo, em 22/11/2003. Foto Alexandre L. Giesbrecht

A estação de Macaé em 16/06/2005. Foto Eliezer Magliano

A estação em 26/7/2011, anunciando o futuro metrô (VLT). Vai sair? Foto Carlos R. Almeida
 
     
Atualização: 10.12.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.