A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
(1878-1949)
Miragaia
Lagoa Branca
Cocais
...
(1949-1961)
Miragaia
Lagoa Branca
Joaquim Libânio
...
(1961-2001)
Orindiúva
Lagoa Branca
Joaquim Libânio
...
Saída para o ramal de Vargem Grande
(1909-1961):
Vargem Grande
...

Tronco CM-1935
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2008
...
 
Cia. Mogiana de Estradas de Ferro (1891-1971)
FEPASA (1971-1998)
LAGOA BRANCA
(antiga LAGOA e IPAOBI)
Município de Casa Branca, SP
Linha-tronco - km 150,138 (1938)   SP-2290
    Inauguração: 19.09.1891
Uso atual: ASSALABRA   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1891?
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco da Mogiana teve o primeiro trecho inaugurado em 1875, tendo chegado até o seu ponto final em 1886, na altura da estação de Entroncamento, que somente foi aberta ali em 1900. Inúmeras retificações foram feitas desde então, tornando o leito da linha atual diferente do original em praticamente toda a sua extensão. Em 1926, 1929, 1951, 1960, 1964, 1972, 1973 e 1979 foram feitas as modificações mais significativas, que tiraram velhas estações da linha e colocaram novas versões nos trechos retificados. A partir de 1971 a linha passou a ser parte da Fepasa. No final de 1997, os trens de passageiros deixaram de circular pela linha.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Lagoa foi inaugurada em 1891, "no lugar chamado Lagoa, um posto telegráfico e um desvio, para facilitar o cruzamento dos trens entre Cascavel e Casa Branca, sendo que mais tarde deverá se construir ali uma estação para facilitar o comércio e a lavoura de Vargem Grande, e o transporte de seus gêneros (relat. Mogiana, 14/04/1891). A estação também cortava em dois a grande distância de 39 km que existia entre as estações de Engenheiro Mendes e Casa Branca, na época. De fato, a estação foi, de 1909 a 1961, o ponto de partida de um ramal de uma estação somente, o ramal de Vargem Grande. Em 1945, teve seu nome alterado pelo C.N.G. para Ipaobi, mas já em 1950 passou a se chamar Lagoa Branca. É um distrito de Casa Branca, e deve o

ACIMA: Trem PM2 da Fepasa, pintura "Ave Maria", parado na estação de Lagoa Branca em 8 de setembro de 1993. Saudades (Foto Carlos Roberto de Almeida). ABAIXO: Esquema do pátio de Lagoa Branca em novembro de 1968 (Clique sobre a figura para ter maiores informações) (Acervo Museu da Companhia Paulista, Jundiaí, SP - Reprodução Caio Bourg).
seu nome a uma lagoa situada do outro lado da linha, atrás da estação. O prédio está atualmente sendo utilizado pela Associação de Amigos do Distrito de Lagoa Branca (ASSALABRA) (agosto de 2010), depois de ter sido em parte utilizado pela concessionária da ferrovia (FCA) durante algum tempo. Em 2010, já conta com uma

ACIMA e ABAIXO: Trem de passageiros da FEPASA em Lagoa Branca, anos 1990 (Fotos Vanderley Zago).
mini-biblioteca, um mini-museu, um pequeno albergue noturno e um deposito de material reciclavél. Em tempo: o último trem de passageiros parou ali em 11 de agosto de 1997.
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Vanderley Zago; Hermes Hinuy; Rossana Romualdo; João Carlos; Carlos R. Almeida; Caio Bourg; Douglas Bulhões; Humberto Alvarenga Jr.; ASSALABRA; Museu da Cia. Paulista, Jundiaí; Cia. Mogiana: relatórios oficiais, 1875-1969; Cia. Mogiana: relação oficial de estações, 1937; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Estação de Lagoa, c. 1910. Álbum da Mogiana

Estação de Lagoa, c. 1908. Foto do Álbum da Mogiana

A estação de Lagoa Branca, em 26/09/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação, em julho de 2001. Foto Rossana Romualdo

A estaçào de Lagoa Branca, em 17/04/2002. Foto Hermes Y. Hinuy

A estação em 11/2006. Foto João Carlos
     
Atualização: 07.11.2012
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.