A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Carlos Barbosa
Garibaldi
Tamandaré
...

Mapa da linha-1940
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...
 
 
E. F. de Carlos Barboza a Bento Gonçalves (1918-1920)
V. F. Rio Grande do Sul (1920-1975)
RFFSA (1975-1996)
Giordani Turismo (1996-2006)
GARIBALDI
Município de Garibaldi, RS
Ramal de Bento Gonçalves - km 909,862 (1960)   RS-1174
    Inauguração: 07.09.1918
Uso atual: estação de trens turísticos   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1918
 
HISTORICO DA LINHA: O ramal foi construído a partir da estação de Carlos Barbosa, na linha Porto Alegre-Caxias, pelo Governo do Estado em 1918, até Garibaldi, e até 1919, até Bento Gonçalves. Nos anos 1970, o ramal foi estendido até a estação de Jaboticaba, construída no Tronco Principal Sul (Lages-Vacaria-Roca Sales). Os trens de passageiros operaram até cerca de 1976 no trecho original, e alguns anos mais tarde uma empresa de turismo passou a fazer o trecho entre Bento Gonçalves e Jaboticaba com locomotivas a vapor, mas nos anos 1990 esses trens passaram a seguir apenas de Bento Gonçalves até Carlos Barbosa, como no ramal original. O restante do trecho foi abandonado até para cargas.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Garibaldi foi inaugurada em 1918 como ponto final provisório do ramal de Bento Gonçalves - no ano seguinte o ramal foi esticado até Bento Gonçalves. Na cidade froam construídas as oficinas da estrada de ferro. Localizada próximo à estação, elas funcionaram de 1919 até a década de 30.

ACIMA: Na estação de Garibaldo, turistas aguardam para ingressa no Trem do Vinho, trem turístico que percorre o trecho Carlos Barbosa-Bento Gonçalves depois da extinção dos trens de passageiros que ocorreu em 1976 (Foto Alexandre Giesbrecht em julho de 2008). ABAIXO: Vista aérea da estação de Garibaldi em 19 de agosto de 2010 (Autor desconhecido).
Atualmente os prédios ainda existem, estão restaurados e servem a uma empresa privada. Desativado por volta de 1976, o ramal hoje (2005) é operado pela empresa Giordani Turismo há anos, para fins turísticos.
(Fontes: Maiquel Monaggio; Elaine Belini Ligero ; Alexandre Giesbrecht; Revista Ferroviária, 08/2000; IPHAE: Patrimônio Ferroviário do Rio Grande do Sul, 2002; Guia Geral das Estradas e Ferro do Brasil, 1960; Guias Levi, 1940-79; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

Oficinas de Garibaldi, em 1919. Acervo Maiquel Simonaggio, Bento Gonçalves, RS

A estação, c. 2000. Foto do livro Patrimônio Ferroviário do Rio Grande do Sul, IPHAE, p. 118

A estação de Garibaldi em 03/2004. Foto Elaine Belini Ligero

A estação de Garibaldo em julho de 2008. Foto Alexandre Giesbrecht
   
     
Atualização: 29.08.2010
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.