...
Lingüado
São Francisco do Sul
...

IBGE - 1957
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2010
...
 
C. E. F. São Paulo-Rio Grande (1906-1942)
Rede de Viação Paraná-Santa Catarina (1942-1975)
RFFSA (1975-1996)
SÃO FRANCISCO DO SUL
Município de São Francisco do Sul, SC
Linha de S. Francisco - km 0 (1936)   SC-2469
Altitude: 0   Inauguração: 1906
Uso atual: estação da ALL (2016)   com trilhos
Data de abertura do prédio atual: 1910
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha do São Francisco teve o primeiro trecho entregue pela E. F. São Paulo-Rio Grande em 1906, ligando o porto de São Francisco (hoje do Sul) a Joinville. Em 1910, a linha foi prolongada até Hansa (Corupá), em 1913 até Tres Barras, e finalmente em 1917 atinge Porto União da Vitória, de onde deveria continuar até atingir Foa do Iguaçu, Este último trecho jamais foi construído. A linha se entronca com o Tronco Sul em Mafra e com a antiga Itararé-Uruguai em Porto União da Vitória. O último trem de passageiros, na verdade uma litorina diária, passou pelo trecho entre Corupá e São Francisco do Sul em janeiro de 1991. O trem misto que servia à linha já não existia desde 1985. Depois disso, apenas alguns trens a vapor turísticos da ABPF têm percorrido a linha, principalmente na região de Rio Negrinho. O trecho entre Mafra e Porto União esteve durante anos abandonado, tendo sido recuperado durante o ano de 2004, mas continua com o tráfego muito escasso. Já o trecho entre Mafra e São Francisco tem grande movimento de cargueiros da concessionária ALL.
 
HISTÓRICO DA ESTAÇÃO: Uma das cidades mais antigas do sul do País, fundada na primeira metade do século XVII, São Francisco teve sua estação inaugurada em 1906 km 0 da linha de São Francisco da E. F. São Paulo-Rio Grande.

A estação, que juntamente com a cidade tiveram o nome alterado para São Francisco do Sul nos anos 1940, até hoje recebe os trens de grãos que vêm do interior do Paraná e de Santa Catarina para embarqueno porto da cidade.

A última litorina que transportava passageiros regularmente na linha, fazendo o percurso Corupá-São Francisco, foi desativada em janeiro de 1991.

Em 2005, foi construído ao lado da estação um gigantesco
terminal da empresa Terlogs Terminal Marítimo Ltda., o qual pode armazenar 2,6 milhões de toneladas de produtos agrícolas a granel. A empresa firmou um contrato com a ALL, dando a ela exclusividade no transporte de toda a carga do terminal por um período de 23 anos, a partir de 2005, partindo de um milhão de toneladas/ano, o que deverá gerar um faturamento de 60 milhões de reais anuais para a empresa (Revista Tecnologística, 02/2005).
ACIMA: A estação de São Francisco isolada de quase tudo, lá ao fundo na foto, um ano após sua inauguração em 1907 (Autor desconhecido). ABAIXO: Trem descarregando gado na estação de São Francisco (autor e data desconhecidos).


ACIMA: Desvios no pátio da estação de São Francisco do Sul, junto ao porto (Foto Luiz Bassetti em 17/1/2008).
A estação e o porto de São Francisco tiveram no passado grande importância para a Estrada de Ferro Sorocabana, como conta Coaraci Camargo: "Na época em que a Sorocabana recebeu suas locomotivas a vapor 'Montanha', nos anos 1930, a via Anchieta ainda nem existia e as carretas também não. As 'Montanhas' eram muito pesadas, inclusive para o funicular da SPR, e tirando os truques elas ficavam bem mais leve. Quando as recebeu, se embarcadas em prancha, não passariam nem pelos túneis da SPR e nem da Central, se desembracadas neste último caso pelo porto do Rio de Janeiro. A Mairinque-Santos ainda não estava pronta. O longerão dessas locomotivas era muito comprido para vir pela Paranaguá-Curitiba, ali elas não fariam as curvas. A solução foi vir por São Francisco, de onde seguiriam para Rio Negro, Ponta Grossa e Itararé sem maiores problemas".

TRENS - De acordo com os guias de horários, os trens de passageiros pararam nesta estação de 1906 a 1991. Ao lado, litorina que andou no trecho Mafra-São Francisco do Sul. Clique sobre a foto para ver mais detalhes sobre esses trens. Veja aqui horários em 1948 (Guias Levi).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; J. C. Kuester; Vanderley Zago; Coaraci Camargo; Allan William; Nivaldo Klein; Luiz Bassetti; A. A. Gorni; RVPSC: Horário de Trens de Passageiros e Cargas, 1936; RVPSC: Relatórios anuais, 1920-60; Revista Ferroviária; Revista Tecnologística, 2005; IBGE, 1959)
     

A estação por volta de 1910. Acervo J. C. Kuester

A estação de São Francisco do Sul nos anos 1980. Foto Revista Ferroviária

A estação em 1997. Foto Allan William

A estação, em 2000. Foto Nivaldo Klein

Plataforma da estação, em 2000. Foto Nivaldo Klein

A estação em 02/2005, com o monstruoso terminal da Terlogs atrás. Foto Revista Tecnologística, cessão A. A. Gorni

Estação de São Francisco do Sul em 09/2006. Foto J. C. Kuester

A estação em 2016. Foto Vanderley Zago
 
     
Atualização: 11.11.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.