A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
Indice de estações
...
Sambaituba
Urucutuca
Almada
...
ESTIVE NO LOCAL: NÃO
ESTIVE NA ESTAÇÃO: NÃO
ÚLTIMA VEZ: S/D
...

 
E. F. de Ilhéus a Conquista (1910-1950)
E. F. de Ilhéus (1950-1964)
URUCUTUCA (BALEIA)
Município de Ilhéus, BA
E. F. Ilhéus (tronco) - km 23,000 (1960)   BA-4186
Altitude: 6 m   Inauguração: 1910
Uso atual: n/d   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d
 
 
HISTORICO DA LINHA: A linha-tronco Ilhéus-Itabuna foi aberta em 1910 em seu primeiro trecho, por investidores ingleses da The State Of Bahia South Western Railway Company Limited, com a idéia de alcançar Conquista (Vitória da Conquista). O primeiro ramal, o de Água Preta (Uruçuca), que partia da estação de Rio do Braço, foi aberto ao tráfego em 1914 e estendido até Poiri em 1931. Em 1918 um outro ramal tem iniciada a sua construção, estendendo-se até Itajuípe, aonde chegou em 1934. Foram as máximas extensões da ferrovia, que jamais se comunicou com outras do estado da Bahia ou com a Bahia-Minas, apesar de diversos projetos nesse sentido que jamais saíram do papel. Em 1950, os ingleses repassaram a estrada ao Governo, que mudou o nome para E. F. de Ilhéus. A estrada jamais chegou a Conquista, pelo que se diz, pelo fato de os ingleses já estarem satisfeitos com o que arrecadavam somente com a linha já existente. Em 1963, já estava decadentíssima a ferrovia, que em 1965 já não mais funcionava.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Urucutuca teria sido inaugurada em 1910, na linha que teve autorizada sua abertura provisória pelo Governo do Estado da Bahia? Ou somente depois, por algum motivo que a justificasse? Em 1932 já era citada em guias. Seu nome, em 1962, aparecia em guias como Baleia e como Urucutuca. Foi desativada por volta de 1964, com a ferrovia. Veja também os trens da E. F. de Ilhéus
ACIMA: A estação de Baleia no mapa dos anos 1950 não é mostrada ou citada (Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, volume VI, 1958).
     
   
     
Atualização: 04.07.2016
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.