A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
(1889-1953)
Botucatu
Rubião Junior
Serra D'Água
...
(1953-2001)
Botucatu
Rubião Junior
Paula Souza-nova
...
Saída para o ramal de Bauru: Toledo
...

Tronco EFS - 1935

IGGSP-1928
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 1998
...
 
Cia. União Sorocabana e Ytuana (1897-1907)
Sorocabana Railway (1907-1919)
E. F. Sorocabana (1919-1971)
FEPASA (1971-1998)
FERROBAN (1998-2006)
ALL (2006-2010)
RUBIÃO JUNIOR
(antiga CAPÃO BONITO)

Município de Botucatu, SP
Linha-tronco - km 302,859 (1931)   SP-2268
Altitude: 880 m   Inauguração: 05.03.1897
Uso atual: fechada   com trilhos
Data de construção do prédio atual: 1897
 
 
HISTORICO DA LINHA: A E. F. Sorocabana foi fundada em 1872, e o primeiro trecho da linha foi aberto em 1875, até Sorocaba. A linha-tronco se expandiu até 1922, quando atingiu Presidente Epitácio, nas margens do rio Paraná. Antes, porém, a EFS construiu vários ramais, e passou por trocas de donos e fusões: em 1892, foi fundida pelo Governo com a Ytuana, na época à beira da falência. Em 1903, o Governo Federal assumiu a ferrovia, vendida para o Governo paulista em 1905. Este a arrendou em 1907 para o grupo de Percival Farquhar, desaparecendo a Ytuana de vez, com suas linhas incorporadas pela EFS. Em 1919, o Governo paulista voltou a ser o dono, por causa da situação precária do grupo detentor. Assim foi até 1971, quando a EFS foi uma das ferrovias que formaram a estatal FEPASA. O seu trecho inicial, primeiro até Mairinque, depois somente até Amador Bueno, desde os anos 20 passaram a atender principalmente os trens de subúrbio. Com o surgimento da CPTM, em 1994, esse trecho passou a ser administrado por ela. Trens de passageiros de longo percurso trafegaram pela linha-tronco até 16/1/1999, quando foram suprimidos pela concessionária Ferroban, sucessora da Fepasa. A linha está ativa até hoje, para trens de carga.
 
A ESTAÇÃO: Inaugurada em 1897, a estação foi uma das poucas da época que já tinha "um prédio definitivo", ou seja, não foi aberta com um prédio provisório. Mesmo assim, pelo estilo do atual prédio, é pouco provável que este seja o de 1897. Na época, seu nome era Capão Bonito, nome de uma fazenda próxima. Este nome perdurou até 1916, quando mudou para o atual, Rubião Júnior.

OBRAS OCORRIDAS NA ESTAÇÃO E SEU PÁTIO DE ACORDO COM RELATÓRIOS DA EFS: Extensão dos desvios para 720 m; 1934 - Construção de 3 casas.

Desde o início, e até hoje, dali sai o ramal de Bauru. Embora seja pequena e do mesmo estilo da maioria das estações da linha-tronco da Sorocabana, é considerado uma das mais bonitas construções da ferrovia. O seu pátio está constantemente cheio com vagões de

ACIMA: Mapa mostrando a linha nova e a velha da Sorocabana na região de Botucatu e de Avaré. Por ele dá para se ter uma idéia de como Botucatu ficou na linha, juntamente como Rubião Júnior, por estarem no centro das variantes. A linha nova (estilizada, pois não mostra todas suas curvas) é a que está com barras (Acervo Ralph M. Giesbrecht).

ACIMA: A estação de Rubião Junior em 1965 e a placa indicando que ali se tomava o trem de passageiros para Bauru (Acervo Daniel Gentili). ABAIXO: Pátio da estação de Rubião Junior em 2001 (Autor desconhecido).
carga estacionados. Hoje, a partir de Rubião Junior, a antiga linha-tronco da Sorocabana é operada pela concessionária ALL. A estação, está muito bem cuidada e no meio do pátio. "A estação ferroviária de Rubião Junior tinha um barzinho (conforme você vê

na primeira foto abaixo, do lado esquerdo). Este barzinho pertenceu à minha avó, que morou a vida toda em Rubião Junior. Meu pai ficou emocionado ao ver a foto e lembrou que quando eles começaram a trabalhar com o bar ele era de madeira" (Franco Rocha, 10/2006). A estação, em abril de 2009, ainda era usada como escala (alojamento) de maquinistas da ALL. Foi-o até maio de 2010: "(A estação de) Rubião Junior, que na data de hoje, 15 de maio de 2010, fechou as portas e estará

À ESQUERDA: "Viajantes comerciais reclamam contra a curta parada de trens em Rubião Junior", título do artigo ao lado (Folha da Manhã, 12/4/1949).

ACIMA: Bela foto da fachada da estação de Rubião Junior em 1992 (créditos na foto).
entregue à sorte. Um caminhão da ALL levou os computadores, aparelhos de
comunicação, mesas e ventiladores
para Triagem Paulista. Rubião Junior era um ponto de apoio para cruzamento e até formação de trens com destino à Bauru e Ourinhos. Os 4 operadores estão indo para Mairinque
" (Jorge Luiz Luvizotto, 15/5/2010).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht - pesquisa local; Jorge Luiz Luvizutto; Acervo Maria Anna Moscogliato; Foto Rocha; Daniel Gentili; Alberto del Bianco; Franco Rocha; Júlio C. Paiva; Ricardo Frontera; Leandro Gouveia; Valdemar Bicudo; Folha da Manhã, 1949; Relatórios oficiais da E. F. Sorocabana, 1875-1969; Mapas - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação de Capão Bonito, c.1910. Ao fundo o hotel de mesmo nome. No morro, ainda não havia a igreja no topo. Acervo Maria Anna Moscogliato - Foto Rocha

A estação, anos 1990. Foto Alberto del Bianco

Rubião Junior em 18/07/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

Rubião Junior em 18/07/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

Rubião Junior, com vagões à frente, em 18/07/1998. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação em 2000. Foto Júlio C. Paiva

A estação em 04/2006. Foto Ricardo Frontera

A estação em 04/2006. Foto Ricardo Frontera

A estação em 10/4/2009. Foto Leandro Gouveia

A estação em 15/5/2010. Foto Jorge Luiz Luvizutto

A estação de um lado em 20/4/2013. Foto Daniel Gentili

A estação do outro lado em 20/4/2013. Foto Daniel Gentili
     
Atualização: 26.05.2013
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.