Estados de Minas Gerais e Bahia


HISTÓRICO DA LINHA:
A E. F. Bahia a Minas começou a ser aberta em 1881, ligando finalmente Caravelas, no litoral baiano, à serra de Aimorés, na divisa com Minas Gerais, um ano depois. Somente em 1898 a ferrovia chegaria a Teófilo Otoni, e em 1918, a Ladainha. Em 1930 atingiu Schnoor. Em 1941, chegou a Alfredo Graça, e, em 1942, chegou em Arassuaí, seu ponto final definitivo. A ferrovia originalmente pertencia à Provincia da Bahia; em 1897 passou a ser propriedade do Estado de Minas Gerais, para, em 1912, passar a ser administrada pelos franceses da Chemins de Fer Federaux de L'Est Brésilien (por algum tempo). Em 1965, foi encampada pela V. F. Centro-Oeste e finalmente extinta em 1966. Embora tenha havido planos para a união da ferrovia com a Vitória-Minas, tal nunca ocorreu e ela permaneceu isolada.

ESTADO DA BAHIA
Ponta da Areia Saída para o ramal de Caravelas:
Caravelas
 
Campo Viação    
Juerana    
Peruípe    
Helvécia    
Cândido Mariano    
Mata    
Argolo    
ESTADO DE MINAS GERAIS    
Aimorés    
Artur Castilho    
Nanuque    
Mairink    
Pampam    
Xarqueada    
Carlos Chagas    
Presidente Pena    
Mangalô    
Francisco Sá    
Bias Fortes    
São João    
Pedro Versiani    
Teófilo Otoni    
Valão    
Sucanga    
Caporanga    
Icary    
Ladainha    
Brejaúba    
Novo Cruzeiro    
Queixada    
Schnoor    
Alfredo Graça    
Arassuaí    
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.