Estado do Paraná
RVPSC - Ramal de Guarapuava
Ferroeste - Linha Guarapuava-Cascavel

HISTÓRICO DAS LINHAS:

RAMAL DE GUARAPUAVA: O ramal de Guarapuava foi construído nos anos 30 mas o seu primeiro trecho somente foi aberto em 1940, a partir da estação de Engenheiro Gutierrez, na linha Itararé-Uruguai e pouco ao sul de Irati . Em 1954 ele chegou a Guarapuava, de onde a idéia era atingir Foz do Iguaçu. Esse ramal era uma modificação das idéias de 1900, que eram de se atingir Foz via Porto União vindo de São Francisco, em Santa Catarina. Somente em 1996, numa iniciativa do governo paranaense, foi que a Ferropar foi inaugurada ligando Guarapuava a Cascavel. A ALL tem o trecho do antigo ramal, que hoje atinge Irati, sobe para Uvaranas, em Ponta Grossa, e daí segue para o porto de Paranaguá. A Ferropar continua operando ot recho novo. Trens de passageiros no ramal foram desativados em 1976.

FERROESTE: A empresa foi construída pelo Governo do Estado do Paraná e entregue em 1996, como uma continuação do ramal de Guarapuava. Ainda é administrada pelo Governo e utiliza as linhas da ALL para transportar suas cargas para Paranaguá. O trecho pronto tem cerca de 250 km e liga Guarapuava a Cascavel, mas pretende-se a sua continuação a partir desta última, um ramal para Toledo e outro para Ponta Porã, MS.
Trechos e estações   Inauguração

Aberto entre 1940 e 1954
Ativo até hoje

   
Engenheiro Gutierrez Entroncamento com a linha Itararé-Uruguai  

Ponte no km 8, próxima à estação de Monjolo, em teste de construção em 1937. Foto de relatório da RVPSC
   
Monjolo   1940
Arroio Grande   1940
Governador Ribas   1940
Água Clara   1940
Cerro do Leão   1943
Inácio Martins   1943
Rocha Loures   1961
Goes Artigas   1945
Padre Chagas   1952
Afonso Camargo   1952
Engenheiro João Passos   1961
Guarapuava Estação terminal do ramal; entroncamento com a Ferroeste a partir de 1996 1954
Guarapuava-Ferropar Estação inicial da Ferroeste 1996
Cascavel Estação terminal da Ferroeste 1996
     
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.